quinta-feira, 9 de março de 2017

(Superliga) Após susto, Brasil Kirin vence, de virada, o São Bernardo

Jogando no ginásio do Taquaral, o Brasil Kirin tomou um susto, mas venceu o São Bernardo por 3 sets a 1, parciais de 14/25; 25/23; 25/19 e 25/21, pela 10ª rodada do returno da Superliga 2016/2017. Com o resultado, o time de Campinas chegou aos 43 pontos, consolidando a 4ª colocação, enquanto a equipe do ABC paulista parou nos 12 pontos e acabou na zona do rebaixamento.

No primeiro set, o Brasil Kirin não conseguiu se encontrar e errando demais viu os jovens do São Bernardo dominarem o duelo. Com grande força ofensiva, destaque para o oposto Gabriel, e aproveitando os vacilos do adversário, os visitantes fecharam a parcial em 14 a 25. No segundo set, os donos da casa conseguiram se soltar e usaram as jogadas de meio, principalmente com Matheus, como principal arma. O duelo era parelho, mas o time de Campinas conseguiu crescer no momento decisivo, vencendo por 25 a 23.

Na parcial seguinte, o Brasil Kirin conseguiu extrair o melhor de seu jogo. Logo no início, Diogo e Matheus anotaram pontos de saque e colocaram os donos da casa na frente (7 a 5). O serviço seguiu como principal caminho para o time campineiro construir a vitória. Matheus emplacou grande sequência, com direito a dois aces seguidos, e colocou a vantagem em três pontos (17 a 14). Sem perder o ritmo, o time campineiro aproveitou as oportunidades de contra-ataque e fez 2 a 1 com Temponi explorando o bloqueio: 25 a 19. 

O quarto set foi mais equilibrado, com os ataques levando vantagem. Durante a igualdade, o paredão do Vôlei Brasil Kirin fez a diferença e garantiu a frente para os campineiros, primeiro com Matheus (13 a 11). Em seguida, Maurício Souza resolveu repetir o companheiro e emplacou dois blocks seguidos (18 a 16). Com toda violência, Diogo anotou ace, os donos da casa fizeram 25 a 21. 

“Sabíamos que não seria um jogo fácil. A torcida teve um grande uma grande contribuição na nossa melhora, nos incentivou até o final. Estivemos desatentos no primeiro set, mas nos recuperamos e construímos a partida da forma que imaginamos”, comentou o técnico Horacio Dileo.

No próximo sábado, às 21h30min, o Brasil Kirin encara o Sada/Cruzeiro, no ginásio do Riacho, em Contagem. No mesmo dia e horário, o São Bernardo pega o Minas Tênis Clube, no Baetão.

Equipes:

Brasil Kirin: Rodriguinho, Rivaldo, Diogo, Temponi, Maurício Souza, Matheus e Tiago Brendle (líbero)
entraram: Jotinha, Baiano e Pedro
técnico: Horacio Dileo

São Bernardo: Brasília, Gabriel, Vini, Ademar, Wennder, Babu e Rafinha (líbero)
entraram: Carrasco, Yago, Wallaf e Matoso e Lucas Madaloz
técnico: Douglas Chiarotti

foto: João Pires/Fotojump

Nenhum comentário:

Postar um comentário