domingo, 19 de fevereiro de 2017

(Superliga) JF Vôlei supera Minas Tênis Clube no tie-break e está nos playoffs

No clássico mineiro da 7ª rodada do returno da Superliga 2016/2017, o JF Vôlei venceu o Minas Tênis Clube por 3 sets a 2, parciais de 33/31, 16/25, 25/19, 19/25 e 15/10, no ginásio da UFJF. Com o resultado, a equipe da Zona da Mata chegou aos 27 pontos, no 6º lugar e carimbou sua passagem aos playoffs, enquanto o time de Belo Horizonte segue na 7ª colocação, com 23 pontos.

A partida começou bastante equilibrada, com as duas equipes apostando na força de seus ataques. Tanto JF Vôlei quanto Minas Tênis Clube se revezaram na liderança do placar no primeiro set, mas depois de muita emoção para os presentes no ginásio da UFJF, os donos da casa fecharam em 33 a 31, com destaque para o oposto Renan (maior pontuador do jogo com 27 acertos).

No segundo set, o Minas Tênis Clube errou menos e tendo a boa distribuição do levantador Thiago Gelinski conseguiu dominar as ações e fazer 16 a 26. No período seguinte, o JF Vôlei deu o troco e com a dupla Renan e Ricardo Jr. em grande desempenho no ataque, venceu por 25 a 19. Quando se esperava que os donos da casa iam voar no quarto set, os visitantes foram para cima e tendo os centrais Petrus e Flávio como destaque fizeram 19 a 25.

O tie-break foi bem disputado e qualquer um poderia ter saído com a vitória. O JF Vôlei, apoiado por mais de 400 pessoas que estavam no ginásio, apostava no seu saque e no grande momento do oposto Renan, enquanto o Minas Tênis Clube tinha na força dos centrais suas esperanças. No final, os donos da casa tiveram mais tranquilidade para fechar o duelo com 15 a 10. 

“É um momento de muita felicidade. Já vivi muita coisa aqui, então, hoje, concretizar este sonho é muito gratificante, e a felicidade é plena. Fiquei um pouco chateado com o susto que tomei no jogo, mas já estou bem. Todo mundo se doou ao máximo e o resultado está aí. Coletivamente, estamos fazendo um jogo muito bonito, inclusive sendo elogiados por adversários. A nossa comissão técnica é muito qualificada e nos passa muita confiança, além de tudo. Já tínhamos alcançado o primeiro objetivo na semana passada, a permanência na Superliga para o próximo ano. Hoje, chegamos à nossa segunda meta, a classificação. Mas ainda temos quatro jogos, difíceis e perigosos. Temos que entrar com tudo para chegarmos o mais longe possível nesta fase de classificação e irmos fortes para o mata-mata”, declarou o líbero Fabio Paes.

“Satisfação enorme por fazer parte de um projeto tão lutador como este, liderado por pessoas apaixonadas, que se sacrificam muito. Um grupo fantástico de jogadores, com uma força coletiva muito grande. Uma comissão técnica pequena, porém extremamente trabalhadora, de uma dedicação enorme. É uma alegria imensa estar ao lado de tanta gente boa e ter contribuído com o projeto. Atingimos este sonho pelo caminho do bem. É muito difícil chegar aos playoffs, são grandes adversários do outro lado da rede. Mas seguimos em frente sempre, tentando levar nosso trabalho o mais longe possível”, disse o técnico Henrique Furtado.

Na próxima quarta-feira, às 20h, as duas equipes voltam a quadra. O JF Vôlei encara o Bento Vôlei/Isabela, no ginásio municipal de Bento Gonçalves, enquanto o Minas Tênis Clube pega o Caramuru/Castro, na Arena, em Belo Horizonte.

Equipes: 

JF Vôlei: Rodrigo Ribeiro, Renan, Rammé, Ricardo Júnior, Bruno, Diego Almeida e Juan Mendez (líbero)
entraram: Henrique Adami, Juan Moreno, Raphael, Romulo, Drago e Fabio Paes
técnico: Henrique Furtado

Minas Tênis Clube: Thiago Gelinski, Felipe, Bisset, Mão, Flavio, Pétrus e Rogerinho (líbero)
entraram: Eduardo Carísio, Abouba, Thiago Vanole, Willian e Matheus
técnico: Nery Tambeiro

foto: Vítor Bara/JF Vôlei

Nenhum comentário:

Postar um comentário