domingo, 12 de fevereiro de 2017

(Superliga) Em duelo direto, JF Vôlei faz 3 a 0 no Lebes/Gedore/Canoas

Jogando no ginásio La Salle, o JF Vôlei não se incomodou com a pressão da torcida e derrotou o Lebes/Gedore/Canoas por 3 sets a 0, parciais de 23/25, 26/28 e 22/25, pela 6ª rodada do returno da Superliga 2016/2017. Com o resultado, o time mineiro chegou aos 25 pontos e permanece na 6ª colocação, enquanto a equipe gaúcha segue na 8ª posição, com 17 pontos.

A partida iniciou com o JF Vôlei marcando o primeiro ponto. Na bola de segunda de Evandro, o Lebes/Gedore/Canoas deixou tudo igual: 2 a 2, porém os visitantes mostraram mais qualidade no ataque e abriram: 3 a 6, sendo que na resposta de Rodrigo Ribeiro o placar era de 4 a 7. Com um bloqueio firme pelo meio, os comandados de Henrique Furtado abriram 6 a 10 e quando os donos da casa esboçavam uma reação, a arbitragem deu cartão vermelho para o ponteiro Gabriel: 8 a 11. O JF Vôlei aproveitou o momento e com mais um bloqueio e uma bola de Renan fez 11 a 17. No ace de Giovanni, os donos da casa diminuíram para 14 a 18 e com Alison muito bem na saída o placar chegou a 16 a 19. Na bola para fora de Renan, o Lebes/Gedore/Canoas encostou 19 a 20 e no ace de Alison tudo ficou igual: 20 a 20. No final, os visitantes acabaram voltando ao jogo após um belo bloqueio e no saque para fora de Gabriel fecharam em 23 a 25.

O segundo set iniciou equilibrado, mas após dois erros de passe do adversário, o JF Vôlei abriu 3 a 5. O técnico Marcelo Fronckowiak realizou algumas mudanças, como a entrada do ponteiro Composto e do levantador Felipe Hernandez, porém a equipe gaúcha cometia alguns erros que deixavam o adversário tranquilo para o side-out: 7 a 11. O Lebes/Gedore/Canoas apostava em bolas rápidas pelo meio, enquanto os mineiros tinham a força do oposto Renan: 11 a 13. A partida era bem disputada, sendo que com dois bloqueios o JF Vôlei abriu 15 a 18, enquanto no bom ataque pela saída, os donos da casa empataram em 18 a 18. Com no ataque para fora do oposto Renan, os donos da casa abriram 23 a 21, mas o JF Vôlei encostou e virou para 24 a 25. No final, muita disputa e a vitória dos visitantes por 26 a 28.

Na terceira parcial, o JF Vôlei começou melhor, sacando novamente bem e prejudicando a recepção adversária: 3 a 5 e com bastante consciência foram administrando a pequena diferença: 5 a 7. No toque de rede de Diego Almeida, o Lebes/Gedore/Canoas encostou 7 a 8 e a partida voltou a ficar bem equilibrada, sendo que no saque de Giovanni tudo ficou igual: 9 a 9. No saque de Renan, os visitantes abriram 9 a 12, obrigando Marcelo Fronckowiak a parar o jogo e na volta o time gaúcho melhorou: 11 a 12. O JF Vôlei seguia no mesmo ritmo, enquanto a equipe da casa errava demais: 13 a 16, sendo que essa diferença foi se mantendo no placar. No final, os mineiros conseguiram abrir 18 a 22 e segurar o ímpeto adversário até fecharam em 22 a 25.

“Foi um jogo bem difícil. O Canoas é um time muito organizado, mas nosso time jogou de uma forma muito coletiva, o que me orgulhou muito. Tivemos uma boa distribuição do nosso levantador, mas acho que o importante foi a atitude de todos quando o passe estava complicado. Foi um conjunto de destaques, de esforços individuais e coletivos que fizeram a diferença (...) Esse foi o 16º jogo da Superliga e teve um jogo apenas que jogamos abaixo, agora sempre após uma vitória ou uma derrota esse grupo sai concentrado para seguir evoluindo”, declarou o técnico Henrique Furtado.

“Quando vamos falar dessa derrota aqui temos que fazer uma menção honrosa para o que o JF Vôlei está fazendo nessa temporada, com o trabalho que o Henrique (Furtado) e a comissão técnica está fazendo. É uma equipe que taticamente joga bem e se inspira muito nas armações do Sada/Cruzeiro e isso explica o resultado (...) Acho que estamos muito inoperantes quando a gente toma 14 bloqueios e só faz um, quando sabemos que o JF Vôlei tem um jogo baseado em uma linha de bloqueio muito forte, com o saque flutuante, mas extremamente agressivo e a gente teria que ter mais paciência e temos que ficar atentos com largadas e bolas trabalhadas, mas não fizemos isso”, afirmou o treinador Marcelo Fronckowiak.

As duas equipes voltam a quadra no próximo sábado. O JF Vôlei recebe o Minas Tênis Clube, às 18h, no ginásio da UFJF, enquanto o Lebes/Gedore/Canoas pega o Caramuru/Castro, no ginásio Padre José Pagnacco.

Equipes:

Lebes/Gedore/Canoas: Ialisson, Gabriel, Alisson, Alison Melo, Evandro, Giovanni e Thales (líbero)
entraram: Felipe Hernandez, Rodrigo e Composto
técnico: Marcelo Fronckowiak

JF Vôlei: Rodrigo Ribeiro, Renan, Rammé, Ricardo Júnior, Bruno, Diego Almeida e Fabio Paes (líbero)
entraram: Juan Mendez, Raphael e Franco Drago
técnico: Henrique Furtado

foto: Fernando Potrick/Gama

Nenhum comentário:

Postar um comentário