segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

(Superliga) Brasil Kirin passa pelo Caramuru/Castro e continua no G-4

Mesmo jogando no ginásio Padre José Pagnacco, o Brasil Kirin foi para cima do Caramuru/Castro e venceu por 3 sets a 0, parciais de 25/19, 25/20 e 25/14, pela 2ª rodada do returno da Superliga 2016/2017. Com o resultado, o time de Campinas chegou aos 28 pontos e aparece na 4ª colocação, enquanto a equipe paranaense segue na lanterna, com apenas dois pontos ganhos.

O Brasil Kirin conseguiu segurar a pressão do adversário e foi buscar o primeiro set em passagem de Rodriguinho pelo saque. O levantador conseguiu anotar ace e os campineiros passaram na frente (16 a 18). Com bom desempenho nos ataques, especialmente pelo meio, os visitantes levaram a parcial inicial após ataque do central Maurício Souza: 19 a 25.

No set seguinte, o Brasil Kirin teve grande desempenho no saque e dominou a parcial do início ao fim. Os ponteiros Diogo e Bruno Temponi se destacaram, tomaram a iniciativa no serviço e não deram brecha para o adversário. Ainda, Com o bloqueio funcionando bem, com destaque para o central Matheus, os campineiros fecharam a segunda parcial: 20 a 25. O time campineiro manteve a superioridade, não deixou o ritmo cair e fechou o jogo ao fazer 14 a 25 no terceiro set.

“Jogo abaixo do que treinamos. Treinamos dez dias saque e o percentual de acertos foi baixo, houve muito erro (...) Temos que usar todo o jogo para fazer ajustes, melhorar, consertar algumas coisas. Ter tranquilidade, nessas duas semanas de trabalho, para organizar as coisas e pontuar contra os adversários diretos, e, permanecer na Superliga”, declarou o técnico Fabio Sampaio.

Com a pausa para a fase final da Copa Banco do Brasil, a Superliga só volta no dia 26, às 21h, quando o Brasil Kirin recebe o Copel Telecom/Maringá, no ginásio Taquaral. Já no dia 28, às 19h, o Caramuru/Castro encara o Sada/Cruzeiro, no ginásio do Riacho, em Contagem. 

Equipes:

Caramuru/Castro: Gustavo, Edy Ney, Thales, Diego, Robinho, Peron e Matheus (líbero)
entraram: Cris, Mendel, Bruno Araujo, Caio e Marcelo
técnico: Fábio Sampaio

Brasil Kirin: Rodriguinho, Rivaldo, Maurício Souza, Matheus, Bruno Temponi, Diogo e Tiago Brendle (líbero)
entraram: Jotinha e Baiano
técnico: Horacio Dileo

foto: Christian Christóforo

Nenhum comentário:

Postar um comentário