sábado, 21 de janeiro de 2017

(Copa Banco do Brasil) Sesi-SP e Funvic/Taubaté lutam pelo título neste sábado

Neste sábado, às 15h30min, Sesi-SP e Funvic/Taubaté se enfrentam no ginásio do Taquaral, em Campinas, pela decisão da Copa Banco do Brasil. Enquanto a equipe paulistana venceu o Sada/Cruzeiro na semifinal no tie-break, o time do Vale do Paraíba chega após derrotar o Brasil Kirin por 3 sets a 0. A partida decisiva terá transmissão do Sportv e da TV Brasil.

Só nesta temporada já foram cinco confrontos entre Sesi-SP e Funvic/Taubaté. Sendo três em decisão de campeonato. Na Copa São Paulo deu o grupo da Vila Leopoldina ao vencer os meninos do Vale do Paraíba por 3 sets a 1. Pelo Paulista, o Sesi-SP venceu o primeiro jogo em casa, porém em Taubaté foram os donos da casa que se saíram melhor e levaram o título na disputa do Golden set.

“No jogo contra o Sada/Cruzeiro nossa virada de bola funcionou muito bem e mesmo não conseguindo imprimir o nosso melhor ritmo de saque conseguimos construir e efetivar um bom volume de contra-ataque. Para o jogo da final nós precisamos melhorar no saque para dificultar a primeira ação da equipe deles, que tem um potencial de ataque muito grande e um bom volume de jogo”, disse o oposto Theo, que relembrou os confrontos.

“Sempre vem na cabeça o que já foi passado. Cada jogo é diferente, mas o histórico existe. Eles têm levado vantagem nas decisões e estão jogando muito bem. Temos que ficar atentos o tempo todo e mudar essa história a nosso favor”, finalizou o atacante do Sesi-SP

“Vai ter uma pressão forte de saque por parte das duas equipes, e um poder de ataque bem interessante. Nossas linhas de defesa precisam estar atentas. Precisamos lembrar que é um jogo de final e isso pode ser um diferencial para as duas equipes. Em momentos decisivos, a individualidade está aparecendo com mais ênfase”, afirmou o técnico Cezar Douglas, que gostou do que viu diante do Brasil Kirin.

“Foi um jogo muito consistente da nossa equipe. Apesar de não termos tudo um sideout dentro das nossas normalidades, a gente teve um outro lado de contra-ataque com eficiência muito alta. A questão do saque, que estamos trabalhando muito com variações, e conseguimos ser consistente nesse fundamento”, completou o treinador da Funvic/Taubaté.

Equipes:

Sesi-SP: Bruninho, Théo, Leandro Aracaju, Lucão, Douglas Souza, Murilo e Serginho (líbero)
técnico: Marcos Pacheco

Funvic/Taubaté: Rapha, Wallace, Éder, Otávio, Lucas Lóh, Lucarelli e Mário Jr. (líbero)
técnico: Cezar Douglas

foto: Everton Amaro/Divulgação Sesi-SP & Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté

Nenhum comentário:

Postar um comentário