domingo, 11 de dezembro de 2016

(Superliga) Minas Tênis Clube supera Copel Telecom/Maringá e sobe na tabela

Jogando na Arena, em Belo Horizonte, o Minas Tênis Clube fez o dever de casa e venceu o Copel Telecom/Maringá por 3 sets a 1, parciais de 24/26, 25/20, 25/14 e 25/22, pela 9ª rodada da Superliga 2016/2017. Com o resultado, a equipe mineira chegou aos 10 pontos e assumiu a 7ª posição, enquanto o time paranaense segue com quatro pontos, na 11ª colocação.

O Copel Telecom/Maringá iniciou melhor o primeiro set, aproveitando os erros dos donos da casa. O time paranaense conseguia frear as investidas dos mineiros e tinha bom aproveitamento no ataque, com destaque para o ponteiro Sergio Felix. Assim, os visitantes criaram uma vantagem que chegou a ser de oito pontos. Na reta final, o Minas Tênis Clube corrigiu os erros, diminuiu a diferença e empatou em 24 a 24, mas os paranaenses tiveram maior tranquilidade para fechar em 24 a 26.

As equipes disputavam todos os pontos no início do segundo set, e o empate no placar mostrava o equilíbrio entre Minas Tênis Clube e Copel Telecom/Maringá. Com pouco mais de 13 minutos de jogo, os donos da casa abriram vantagem de quatro pontos. Sem repetir os erros cometidos na parcial anterior, os comandados de Nery Tambeiro seguraram a diferença no placar e fecharam em 25 a 20.

O Minas Tênis Clube também foi melhor no início do terceiro set. Logo nos primeiros minutos, disparou no marcador e abriu vantagem de 14 pontos, com destaque para o oposto Bisset, que marcou impressionantes 29 pontos na partida. Com um jogo praticamente sem erros, a equipe da casa não teve problemas para fechar em 25 a 14.

O quarto set era fundamental para os dois lados. Se o Minas Tênis Clube tinha a chance fechar o jogo, o Copel Telecom/Maringá precisava vencer para forçar o tie-break. Assim, os primeiros minutos foram marcados pelo equilíbrio. Mesmo com a partida bem disputada, os donos da casa mantiveram o mesmo ritmo e definiram a partida fazendo 25 a 22.

“O foco foi fundamental. Também é importante acreditar no nosso potencial, porque o nosso emocional estava abalado, mas a gente tinha convicção de que estávamos fazendo tudo aquilo que podíamos para sair disso. A gente espera uma atuação convincente, esperávamos isso quando a gente tivesse a equipe titular dentro da quadra. Hoje tivemos a volta do Bisset, talvez o Pétrus volte no próximo jogo. Com isso, a equipe vai encorpando. Todos os jogadores que estavam na quadra responderam. É um trabalho de equipe, os resultados vão aparecendo”, disse o técnico Nery Tambeiro.

“Enfrentamos uma boa equipe, fora de casa, mas mesmo assim começamos muito bem o jogo, conseguimos impor nosso ritmo no primeiro set e chegamos a abrir oito pontos de vantagem. Nos outros não conseguimos nos impor da mesma forma. Agora temos praticamente uma semana para trabalhar forte, estou introduzindo algumas situações que são novas e que precisamos melhorar. Penso que vamos evoluir bastante para buscar a vitória contra o Bento Vôlei no próximo sábado”, explicou o técnico interino Renato Lúcio.

Na próxima quinta-feira, às 21h55min, o Minas Tênis Clube volta a quadra para enfrentar o Lebes/Gedore/Canoas, no ginásio La Salle. Já no sábado, às 20h, o Copel Telecom/Maringá encara o Bento Vôlei/Isabela, no ginásio municipal de Bento Gonçalves.

Equipes:

Minas Tênis Clube: Mão, Gelinski, Thiago Vanole, Bisset, Flávio, Bruno e Rogerinho (líbero)
entraram: Henrique, Carísio, Felipe, Matheus e Samuel
técnico: Nery Tambeiro

Copel Telecom/Maringá: Mudo, Ualas, Renato Hermely, Marcílio, Pedro, Sérgio Felix e Guilherme Gentil (líbero)
entraram: Ualas, Elder, Secco, Felipe, Aranha e Aureliano
técnico: Renato Lúcio Soares

foto: Orlando Bento/MTC

Nenhum comentário:

Postar um comentário