sexta-feira, 16 de dezembro de 2016

(Superliga) Lebes/Gedore/Canoas faz bom jogo e derrota Minas Tênis Clube

Na abertura da 10ª rodada da Superliga 2016/2017, o Lebes/Gedore/Canoas teve boa atuação e venceu o Minas Tênis Clube por 3 sets a 1, parciais de 25/22, 25/13, 16/25 e 25/19, no ginásio La Salle. Com o resultado, o time gaúcho chegou a sua terceira vitória e tem agora 12 pontos, ocupando a 7ª posição, enquanto a equipe de Belo Horizonte parou nos 10 pontos e caiu para o 8º lugar.

O Lebes/Gedore/Canoas abriu o placar do jogo com ponto de saque de Gabriel. O Minas Tênis Clube virou o jogo e fez 3 a 2. O time da casa voltou a pontuar bem e, com Gabriel, marcou 6 a 4. Quando o grupo gaúcho marcou mais um, no bloqueio, (7 a 4), Nery Tambeiro pediu tempo. O Lebes/Gedore/Canoas seguiu no comando do marcador e teve um de vantagem em 13 a 12. A diferença aumentou em 19 a 15, quando o treinador do Minas fez duas substituições. No bloqueio de Alisson Melo, 22 a 17. O Minas Tênis Clube reagiu em boa passagem de Bisset pelo saque e encostou no placar em 23 a 22. No final, o time de Canoas fechou em 25 a 22.

Na bola rápida de primeiro tempo com Ialisson, o Lebes/Gedore/Canoas fez 4 a 2 no começo do segundo set. No erro do adversário, os donos da casa abriram quatro de vantagem: 7 a 3. A diferença seguiu boa para o time gaúcho, que chegou a 14 a 6. Quando placar chegou a 17 a 8, o treinador do Minas Tênis Clube pediu tempo. Com Gabriel virando mais uma para a equipe de Canoas, 18 a 10. A equipe dirigida por Marcelo Fronckowiak teve tranquilidade durante toda a parcial, fechando no ace de Giovanni em 25 a 13.

O Lebes/Gedore/Canoas manteve o bom ritmo logo no início do terceiro set e, no ace de Gabriel, marcou 2 a 0. No lance seguinte, com bloqueio de Giovanni, 3 a 0. Com Tiago Mão, o Minas Tênis Clube assumiu o comando do marcador em 8 a 7. Com Vanole, o time visitante abriu quatro no placar: 14 a 10. O cubano Bisset pontuou na saída de rede e fez o Minas marcar 19 a 12. A equipe do Minas Tênis Clube não deu chances ao adversário e, desta vez, levou a melhor no set e fechou em 25 a 16.

No bloqueio do levantador Evandro, o time de Canoas fez 3 a 1. A quarta parcial teve equilíbrio, com os donos da casa em vantagem em apenas um ponto: 6 a 5. O duelo seguiu bastante disputado, mais uma vez com um de vantagem para o time gaúcho em 9 a 8. No erro do adversário, o Lebes/Gedore/Canoas marcou 12 a 9. No ponto de saque de Ialisson, 14 a 10. Nery Tambeiro pediu tempo, mas, na volta, no bloqueio de Giovanni, 15 a 10. O Minas reagiu e reduziu a diferença para dois em 18 a 16. Mas, o Canoas voltou a pontuar e, no saque de Giovanni, fez 22/16. No final, vitória do Lebes/Gedore/Canoas por 25 a 19.

“Nossa equipe estudou muito o time do Minas. Todos nós levamos a lição para casa e nos empenhamos muito. Hoje tivemos um pouco de pressão, já que se perdêssemos, íamos nos complicar um pouco na tabela. Por isso, entramos muito focados e determinados para conseguirmos essa vitória. Esse é o primeiro troféu da minha carreira e estou muito feliz porque desde garoto a gente sonha com um desse”, afirmou o ponteiro Gabriel, eleito o melhor da partida.

“Eu esperava o que aconteceu no terceiro e no quarto, já que nós dominamos os dois primeiros sets. Estudamos demais o adversário e há uma qualidade muito grande no meio da tabela. A equipe do Minas é uma das mais tradicionais do país, que eu já tive a honra de dirigir, e eles têm enfrentado uma situação delicada, mas sem perder sua essência”, destacou o técnico Marcelo Fronckowiak.

Na última rodada do turno, o Lebes/Gedore/Canoas faz um clássico gaúcho contra o Bento Vôlei/Isabela na próxima segunda-feira, às 19h40min, no ginásio municipal de Bento Gonçalves. Já o Minas Tênis Clube recebe o São Bernardo, na quarta-feira, às 19h, na Arena, em Belo Horizonte.

Equipes:

Lebes/Gedore/Canoas: Evandro, Thomaz, Ialisson, Giovanni, Alisson Melo, Gabriel e Thales (líbero)
entraram: Alemão, Alison Bastos, Felipe Hernandez e Composto
técnico: Marcelo Fronckowiak

Minas Tênis Clube: Gelinski, Bisset, Flávio, Bruno, Samuel, Mão e Rogerinho (líbero)
entraram: Eduardo Carisio, Honorato, Thiago Vanole, Petrus e Felipe
técnico: Nery Tambeiro

foto: Fernando Potrick/Gama

Nenhum comentário:

Postar um comentário