sábado, 10 de dezembro de 2016

(Superliga) Funvic/Taubaté e Brasil Kirin fazem confronto direto no Abaeté

Com campanhas bem parecidas, neste sábado, às 18h30min, a Funvic/Taubaté recebe o Brasil Kirin, no ginásio Abaeté, pela 9ª rodada da Superliga 2016/2017. Na 3ª posição, com 17 pontos, o time do Vale do Paraíba busca a vitória para retomar a vice-liderança, enquanto no mesmo pensamento está a equipe de Campinas, hoje na 4ª colocação, com 16 pontos.

Depois de duas derrotas seguidas para Montes Claros e Sesi-SP, a Funvic/Taubaté se recuperou ao vencer o São Bernardo, no ABC paulista. O técnico Cezar Douglas sabe que o time ainda precisa melhorar principalmente no quesito bloqueio, onde atualmente a equipe aparece na última posição das estatísticas da CBV. Mesmo com o campeão olímpico Éder, com o bom central Otávio e com o forte Mesa, o time vem pecando nesse fundamento.

Com o ponteiro Lucarelli voltando a sua melhor forma, a equipe deve ganhar mais confiança em quadra, já que hoje a principal referência ofensiva é o oposto Wallace (segundo maior pontuador da competição, com 144 acertos). Aliás, outro fundamento que precisa de aprimoramento é a recepção, onde o trio Lucarelli, Lucas Loh e Mário Jr. tem tudo para ir bem, mas ainda não encaixou na qualidade do passe.

Após uma semana cheia para trabalhar, o Brasil Kirin chega para o confronto querendo apagar a derrota para o Montes Claros, que quebrou sua invencibilidade na competição. O técnico Horacio Dileo tratou de aproveitar o período para estudar bastante o adversário e corrigir alguns erros de sua equipe, que tem como principal destaque o bloqueio, comandado pelo campeão olímpico Maurício Souza.

“São dois times com o mesmo objetivo: chegar entre os primeiros e garantir uma boa classificação para os playoffs. Taubaté tem um time muito forte, recheado de grandes jogadores e exigirá uma intensidade alta de nós. Será mais uma batalha que temos pela frente. Tivemos uma semana boa de preparação e vamos confiantes para o duelo”, comentou o técnico Horacio Dileo, que valorizou o período sem jogo oficial.

“Foi um momento de concentração no nosso próprio jogo, em situações que podemos crescer ou melhorar. Tivemos uma sequência desgastante, com viagens, e estes últimos dias serviram para retomarmos alguns conceitos que serão importantes para esta reta final de ano”, completou o treinador do Brasil Kirin.

Equipes:


Funvic/Taubaté: Raphael, Wallace, Éder, Otávio, Lucas Lóh e Lucarelli e Mario Jr. (líbero)
técnico: Cezar Douglas

Brasil Kirin: Jotinha, Rivaldo, Vini, Maurício Souza, Diogo, Temponi e Tiago Brendle (líbero)
técnico: Horacio Dileo

foto: Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté

Um comentário:

  1. Obrigado pelo reconhecimento! Em achar que o time do Taubaté tem apenas 3 centrais! Coisa de quem não entende ou não se preocupa com a notícia mesmo!

    ResponderExcluir