sábado, 10 de dezembro de 2016

(Superliga) Em clássico equilibrado, Sada/Cruzeiro vence o Sesi-SP no tie-break

No principal jogo da 9ª rodada da Superliga 2016/2017, o Sada/Cruzeiro derrotou o Sesi-SP por 3 sets a 2, parciais de 25/23, 18/25, 29/27, 16/25 e 15/11, no ginásio da Vila Leopoldina. Com o resultado, o time mineiro manteve a invencibilidade e disparou ainda mais na liderança, agora com 26 pontos, enquanto a equipe paulistana chegou aos 20 pontos e permanecer na 2ª colocação.

O jogo começou disputado ponto a ponto. Numa boa sequência de saques do ponteiro Douglas Souza, o Sesi-SP fez 6 a 2. O saque e o bloqueio dos paulistas funcionavam e os donos da casa abriram seis pontos (13 a 7). O Sada/Cruzeiro cresceu de produção e encostou (14 a 11). Se aproveitando dos erros do Sesi-SP, o Sada/Cruzeiro diminuiu a vantagem para um ponto (18 a 17). Com um ace do levantador William, o time mineiro empatou (22 a 22). Os visitantes foram melhores na parte final da parcial e venceram o primeiro set por 25 a 23.

O Sada/Cruzeiro manteve o bom momento no início do segundo set e fez 5 a 1. Numa boa sequência de saques do ponteiro Douglas, o Sesi-SP empatou (6 a 6). Quando a equipe paulista abriu quatro pontos (14 a 10), o treinador Marcelo Mendez pediu tempo. Mesmo com a paralisação, o Sesi-SP seguiu melhor e com um ponto de ataque do central Lucão fez 20 a 14. O Sesi-SP dominou a parcial até o final e venceu o segundo set por 25 a 18. 

O Sada/Cruzeiro voltou melhor para o terceiro set e fez 6 a 4. Com três erros seguidos do time mineiro, o Sesi-SP virou o marcador (11 a 10). O set ficou disputado ponto a ponto. Bem no saque e com o levantador Bruninho inspirado, o time paulista abriu quatro (19 a 15). O Sada/Cruzeiro cresceu de produção e encostou (19 a 18). Numa boa sequência de saques do ponteiro Leal, o time mineiro abriu dois (21 a 19). O final da parcial foi extremamente equilibrado e o time mineiro levou a melhor por 29 a 27 com um ponto de saque do cubano Leal. 

O Sada Cruzeiro fez 6 a 4 no início do quarto set. O saque dos donos da casa dificultou a recepção mineira e o Sesi-SP abriu cinco pontos (13 a 8). O Sesi-SP seguiu ditando o ritmo da parcial e fez 19 a 11 com um ace do levantador Bruninho. O Sesi-SP dominou a parcial até o final e venceu o quarto set por 25 a 16. 

O quinto set começou equilibrado. Depois de uma disputa na rede, o Sada/Cruzeiro fez 4 a 2. Quando os mineiros fizeram 5 a 2, o treinador Marcos Pacheco pediu tempo. O Sada Cruzeiro seguiu melhor e fez 8 a 5. Os mineiros seguraram a vantagem até o final e venceram o set por 15 a 11. 

“Foi um jogo muito duro. Mas esperávamos uma partida assim. O Sesi-SP sempre jogou muito bem contra nós. Hoje eles vieram muito fortes no saque, no final nós conseguimos segurar bem, e conquistamos essa importante vitória fora de casa”, disse o ponteiro Leal.

“Eu acho que a questão não é o que faltou para o time vencer, foi um jogo muito equilibrado e decidido no detalhe. Nós nos preparamos muito bem para hoje e conseguimos fazer tudo o que foi proposto. Infelizmente eles cresceram ali no detalhe e saíram com a vitória”, afirmou o central Riad.

As duas equipes voltarão à quadra no próximo sábado. O Sada/Cruzeiro enfrenta a Funvic/Taubaté, às 19h30min, no ginásio do Riacho, em Contagem. Já o Sesi-SP terá pela frente o JF Vôlei, às 18h, no ginásio da UFJF.

Equipes:

Sesi-SP: Bruninho, Theo, Douglas Souza, Fábio, Aracaju, Lucão e Serginho (líbero)
entraram: Riad, Alan, Rafinha e Vaccari
técnico: Marcos Pacheco

Sada/Cruzeiro: William, Evandro, Rodriguinho, Leal, Simon, Eder e Serginho (líbero)
entraram: Cachopa, Filipe, Alan, Léo e Éder Levy
técnico: Marcelo Mendez

foto: Helcio Nagamine/Divulgação Fiesp

Nenhum comentário:

Postar um comentário