quarta-feira, 21 de dezembro de 2016

(Superliga) Brasil Kirin e Sada/Cruzeiro reeditam final passada em Campinas

Pela 11ª e última rodada do primeiro turno da Superliga 2016/2017, o Brasil Kirin recebe o Sada/Cruzeiro, nesta quarta-feira, às 19h30min, no ginásio Taquaral. Com 22 pontos, o time de Campinas está na 3ª posição e busca a vitória para se aproximar ainda mais do líder, que no caso é a equipe mineira, que tem 29 pontos, e é o único clube invicto da competição. A partida terá transmissão do Sportv.

Com oito vitórias e apenas duas derrotas sofridas, o Brasil Kirin espera fechar o primeiro turno com uma boa apresentação e para isso conta com o bom momento do time no bloqueio. Com destaque para o central Maurício Souza neste fundamento, o time de Campinas vem realizando partidas equilibradas, como na rodada passada ao vencer o São Bernardo, no ABC paulista.

“Teremos um desafio muito grande nesta quarta aqui no Taquaral, contra a forte e invicta equipe do Sada Cruzeiro. Nosso time vem se apresentando bem, vencemos os dois últimos jogos e vislumbramos pontuar ao máximo a cada partida (...) Estudamos e treinamos visando suportar o poder ofensivo deles, fazendo valer a nossa força defensiva, aproveitando nossa torcida e vontade de vencer para sermos ofensivos também”, disse o líbero Tiago Brendle.

“O Cruzeiro é o atual campeão mundial e um dos melhores times do mundo, sem dúvida, mas entraremos com o mesmo pensamento de todos os outros confrontos da temporada: nos preocuparmos em fazer nosso próprio jogo, construi nossas próprias oportunidades. Temos que fazer uma partida consciente, sacar bem, ter paciência e não desperdiçar as oportunidades que aparecerão”, comentou o técnico Horacio Dileo.

Tendo dez vitórias em dez partidas, o Sada/Cruzeiro é o time a ser batido na competição. O técnico Marcelo Mendez viu seu time manter o nível alto com vitórias sobre Montes Claros (3 a 0), Sesi-SP (3 a 2) e Funvic/Taubaté (3 a 0), adversários que estão próximos na tabela. Vencer do Brasil Kirin significa não apenas a manutenção da invencibilidade como também de que o time segue rumo a mais um título.

“Acho que a gente está jogando muito bem. O nosso primeiro turno foi cansativo, mas a gente se superou a cada jogo e cumprimos com o nosso objetivo de ganhar todas as partidas e não desperdiçar pontos. Mas acho que em Campinas a nossa cabeça tem que estar tranquila. Não vamos pensar nas estatísticas ou em terminar invicto, mas sim em jogar o nosso jogo, em trabalhar da melhor maneira. Vamos enfrentar um adversário difícil, uma equipe muito forte, e temos que entrar concentrados”, comentou o ponteiro Leal.

“Tivemos uma vitória importante na rodada passada (sobre o Funvic/Taubaté) para abrir vantagem na tabela de classificação contra um adversário direto na briga pelo título. Estou feliz com o desempenho do time e tenho certeza que estamos no caminho certo (...) Não há muita diferença na preparação para este jogo. Estamos treinando pensando em desenvolver o nosso melhor trabalho e usar a estatística para marcar o adversário. Brasil Kirin tem um time experiente e organizado, e, por isso, todo cuidado é pouco”, afirmou o líbero Serginho.

Equipes:

Brasil Kirin: Rodriguinho, Rivaldo, Maurício Souza, Vini, Diogo, Ygor Ceará e Tiago Brendle (líbero)
técnico: Horácio Dileo

Sada/Cruzeiro: William, Evandro, Isac, Simón, Leal, Filipe e Serginho (líbero)
técnico: Marcelo Mendez

foto: Brasil Kirin/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário