quarta-feira, 30 de novembro de 2016

(Superliga) Em bom momento, Montes Claros e Brasil Kirin jogam no Caldeirão

A 7ª rodada da Superliga 2016/2017 começa nesta quinta-feira, às 21h55min, quando o Montes Claros recebe o Brasil Kirin, no ginásio Tancredo Neves. Na 5ª colocação, com 12 pontos, o Pequi Atômico quer fazer valer o fator casa e se colocar entre líderes, enquanto o time de Campinas, hoje na vice-liderança, com 16 pontos, quer a vitória para permanecer invicto. A partida terá transmissão da Rede TV! 

O Montes Claros Vôlei chega para o confronto embalado por ter quebrado a invencibilidade da Funvic/Taubaté, em pleno ginásio do Abaeté. Com quatro vitórias e duas derrotas, a equipe mineira vem fazendo uma boa campanha e a expectativa é manter o mesmo nível apresentado na rodada passada, agora contra o Brasil Kirin, no Caldeirão.

“Estamos tendo uma sequência pesada de jogos e sabíamos que isso aconteceria. Estou feliz pelo desempenho da nossa equipe na última partida, mas temos que manter isso para os próximos jogos. O Vôlei Brasil Kirin é uma equipe forte e uma das favoritas da competição. O forte do nosso time é o conjunto e precisamos seguir jogando como uma equipe”, afirmou o técnico Marcelinho Ramos.

Pelo lado do Vôlei Brasil Kirin, o principal objetivo é manter a concentração e não se acomodar com a invencibilidade. Na ultima rodada, a equipe de Campinas bateu o Bento Vôlei/Isabela por 3 sets a 0, no ginásio Taquaral, com grande atuação do bloqueio, onde se destacam o oposto Rivaldo e o central Maurício Souza. A expectativa é que o fundamento volte a fazer a diferença.

"Cada jogo tem sua história, mas a forma de conduzir as coisas é a mesma. Teremos um adversário complicado que tem uma torcida muito apaixonada e precisamos, mais uma vez, ter cabeça boa para superar mais esse desafio”, afirmou o treinador Horacio Dileo, que vê mais uma partida complicada para o time paulista.

“Cada partida tem sua história, mas a forma de conduzir as coisas durante a semana é a mesma: seriedade e trabalho duro. Teremos um adversário complicado, que tem uma torcida muito apaixonada. Precisamos, mais uma vez, ter cabeça boa para superar os momentos de dificuldade que aparecerão”, completou o comandante do Brasil Kirin.

Equipes:

Montes Claros: Murilo Radke, Luan Weber, Salsa, Robinho, Bob, Jonatas e Gian (líbero)
técnico: Marcelinho Ramos

Brasil Kirin: Jotinha, Rivaldo, Maurício Souza, Vini, Temponi, Diogo e Tiago Brendle (líbero)
técnico: Horacio Dileo

foto: Fredson Souza/MCV

Nenhum comentário:

Postar um comentário