sábado, 26 de novembro de 2016

(Superliga) Clássico entre Sada/Cruzeiro e Minas Tênis Clube fecha o sábado

Neste sábado, às 21h30min, a rivalidade entre Sada/Cruzeiro e Minas Tênis Clube será novamente colocada a prova, no ginásio do Riacho, em Contagem, pela 6ª rodada da Superliga 2016/2017. Líder invicto e isolado, com 15 pontos, a Raposa chega disposta a manter seu bom momento, enquanto a equipe de Belo Horizonte, hoje na 8ª posição, com cinco pontos, quer se recuperar na competição. A partida terá transmissão do Sportv.

Depois fazer os cinco primeiros jogos fora de casa, o Sada/Cruzeiro está de volta ao Riachão. A última partida em seus domínios foi justamente contra o adversário deste sábado pela final do Campeonato Mineiro, no dia 7 de outubro. Depois do heptacampeonato Estadual, a equipe celeste venceu o Mundial de Clubes em Betim, a Supercopa em Fortaleza e emendou na sequência de vitórias sem perder nenhum set neste início de Superliga.

“Voltar ao Riachão é muito bom. Depois dessa sequência longe de casa, poder voltar e ter um clássico para jogar em casa vai ser excelente. Queremos dar o nosso máximo, fazer uma boa atuação para a torcida e para dar continuidade no bom trabalho que estamos fazendo no campeonato. E estou confiante de que entraremos novamente para sair com a vitória. É um clássico mineiro, todo mundo quer jogar clássico, ainda mais diante da nossa torcida. Acho que nossa equipe está empolgada para o jogo e eu também não vejo a hora de entrar em quadra”, contou o central Isac.

“Nós e o Minas sempre fazemos jogos bem disputados e esse deve ser mais um clássico equilibrado em Contagem. Temos que ficar atentos, tratar de jogar bem no saque, no ataque, e manter a constância que apresentamos nas últimas partidas que jogamos”, disse o técnico Marcelo Mendez.

Com duas vitórias e três derrotas, o Minas Tênis Clube busca regularidade na competição e tendo perdido as duas últimas: Funvic/Taubaté (fora) e Brasil Kirin (casa), o objetivo é voltar a pontuar. Sem contar ainda com o oposto Bisset, o técnico Nery Tambeiro vem apostando no jovem Abouba, que vem dando conta do recado e vale destacar o levantador Eduardo Carísio, que na hora que precisou substituir Gelinski foi bem.

“O saque deles é muito forte, mas não podemos deixá-los à vontade na partida. É importante que a recepção funcione e a gente não deixe escapar as oportunidades de contra-ataque e de pontuar. Temos sempre que tentar jogar perto no placar. Nosso time é jovem, mas vamos com muita raça para esse jogo”, destacou o levantador Eduardo Carísio. 

“Temos consciência que é uma difícil missão, mas apesar de jovem nosso o nosso grupo é muito qualificado e corajoso. Sabemos que precisamos ser agressivos e minimizar nossos erros. Entraremos confiantes, como sempre fazemos”, afirmou o oposto Abouba, um dos destaques da equipe de Belo Horizonte.

Equipes:

Sada/Cruzeiro: William, Alan, Leal, Filipe, Simon, Éder Levi e Serginho (líbero)
técnico: Marcelo Mendez

Minas Tênis Clube: Gelinski, Bisset, Flávio, Bruno, Thiago Vanole, Mão e Rogerinho (líbero)
técnico: Nery Tambeiro

foto: Renato Araújo/Sada/Cruzeiro/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário