quinta-feira, 13 de outubro de 2016

(Paulista) Sesi-SP e Brasil Kirin duelam na Vila Leopoldina por vaga na final

Nesta quinta-feira, às 18h, o Sesi-SP recebe o Vôlei Brasil Kirin, no ginásio da Vila Leopoldina, pelo segundo jogo das semifinais do Campeonato Paulista – Divisão Especial. Como venceu o primeiro duelo, no Taquaral, o time paulistano fica com a vaga na final com a vitória, enquanto a equipe de Campinas precisa ganhar para forçar um golden set. A partida terá transmissão do Sportv.

Segunda melhor campanha na fase classificatória, o Sesi-SP tem no entrosamento da dupla Bruninho e Lucão, uma novidade para essa temporada, porém a espinha dorsal da equipe está lá, com os ponteiros Murilo e Douglas Sousa, o líbero Serginho e o oposto Theo. A perda do central Sidão (lesionado) é bastante significativa, porém Aracaju vem dando conta do recado, como na temporada passada.

“Temos um regulamento a ser seguido, como em qualquer outra competição. Para ir à final, ou você ganha dois jogos ou ganha um jogo e o Golden Set. Então com isso, eles estão vivos na competição e, assim como nós, têm possibilidades. O segredo é entrar focado nesta partida, pensando só no que estiver acontecendo no momento e o resto será consequência”, comentou o técnico Marcos Pacheco, que conta com jovens talentosos, crias da base, como o central Johan e os ponteiros Gabriel Vaccari e Fabio.

“Espero muito equilíbrio e emoção neste jogo decisivo, que vale a vaga para a final do Paulista. Precisamos estar muito ligados e atentos o tempo todo, pois a equipe deles pode surpreender a qualquer momento. Eles têm bons sacadores e bloqueadores (...) É um grande aprendizado que tenho aqui no Sesi-SP. A cada dia que passa, sinto que evoluo e aprendo um pouco mais. Eles têm carreiras muito vitoriosas e passam uma grande experiência para todos nós, mais jovens”, destacou Johan.

A derrota, de virada, em casa, por 3 sets a 1, não desmotiva os comandados de Horacio Dileo, que vão em busca da vitória e de disputar a final do Campeonato Paulista. Precisando ser agressivo no saque e no ataque, o treinador argentino conta com o experiente oposto Rivaldo e espera um bom trabalho de defesa, a começar com o ótimo líbero Tiago Brendle.

“Temos que entrar pensando em construir o jogo como um todo. Queremos chegar à final, mas se entrarmos pensando apenas no golden set, vamos nos complicar. Contra um adversário como o Sesi-SP, é preciso concentrar ponto a ponto, set a set e construir este resultado (...) Foi uma preparação com nível de playoff: intensa e bem detalhada. Os times se conhecem e sabem como vão entrar. Por isto, cuidamos dos mínimos detalhes, pois eles vão resolver a partida. Vamos bastante confiantes para este jogo”, comentou o treinador Horacio Dileo.

“Tivemos altos e baixos na última partida, mas mostramos que temos condições de encará-los de igual para igual. Precisamos manter a tranquilidade e não desperdiçar as oportunidades“, disse o oposto Rivaldo.

foto: Everton Amaro/Fiesp

Nenhum comentário:

Postar um comentário