quarta-feira, 19 de outubro de 2016

(Mundial de Clubes) Sem dificuldades, Sada/Cruzeiro derrota Taichung Bank

Na estreia do Mundial de Clubes, o Sada/Cruzeiro não teve dificuldades para vencer o Taichung Bank, do Taipé Chinês, por 3 sets a 0, parciais de 25/10, 25/16 e 25/13, no ginásio Divino Braga, em Betim. Com o resultado, a equipe celeste lidera o Grupo A com três pontos, ao lado do Zenit Kazan, da Rússia, que venceu o Tala’ea El-Geish, do Egito. 

Logo de cara, o Sada/Cruzeiro mostrou a que veio e com William distribuindo bem as jogadas o placar era de 10 a 5. Com 14 a 7, o técnico Ke-Chou Cheng resolveu pedir tempo. Entretanto nada dava certo para a equipe asiática, que viu o cubano Leal acertar um ace para fazer 19 a 7. Sem muitos problemas, a equipe celeste foi administrando o placar até fechar em 25 a 10.

O segundo set iniciou mais equilibrado e no bloqueio de Isac, os mineiros deixaram o placar igual: 8 a 8. Com jogadores mais potentes no ataque, o Sada/Cruzeiro começou a abrir e colocou 17 a 13 fazendo com que o treinador do time de Taipé Chinês parasse o jogo. Na sequência, o que se viu foi Leal acabar com a parcial, soltando o braço no ataque e no saque, tanto que dois aces seus e uma jogada de fundo definiram o marcador em 25 a 16.

Embalado, o Sada/Cruzeiro manteve o ritmo na terceira parcial e logo fez 5 a 2 com Isac no meio. Mesmo sem Filipe, que deixou a quadra com um incômodo na panturrilha direita, a equipe de Marcelo Mendez seguiu dominando a partida: 9 a 5. A situação era tranquila, que o oposto Renan entrou para ganhar ritmo com o time e ajudou a equipe celeste a vencer por 25 a 13.

“Foi um jogo bom. Nós estudamos muito o time deles. Hoje eles jogaram um pouco pior do que a gente viu antes, nos vídeos. A gente estava muito ciente do que tínhamos que fazer, fomos competentes, respeitamos o time deles para conseguir a vitória. Em alguns momentos nós sacamos muito bem e no geral a gente fez um bom jogo de estreia”, disse o levantador William.

“Acho que hoje o time jogou bem, tivemos um bom começo no Mundial, com todos fazendo o seu melhor em quadra. Nossa virada de bola também funcionou e agora já vamos pensar no próximo adversário”, afirmou o técnico Marcelo Mendez.

Na rodada de abertura o campeão europeu e também vice do Mundial, o russo Zenit Kazan, fez 3 sets a 0 no Tala’ea El-Geish, do Egito, com parciais de 25/14, 25/19 e 25/15. E no segundo jogo o time argentino UPCN bateu o Minas Tênis Clube por 3 a 0, parciais de 25/22, 25/18 e 25/18.

Nesta quarta-feira, mais três jogos movimentam o Mundial de Clubes. Às 14h, a UPCN faz o clássico contra o Bolívar, enquanto às 16h30min, o Minas Tênis Clube pega o Trentino, da Itália, e às 19h, o Sada/Cruzeiro enfrenta os egípcios do Tala’ea El-Gaish.

Equipes:

Sada/Cruzeiro: William, Evandro, Filipe, Leal, Isac, Simon e Serginho (líbero)
entraram: Rodriguinho, Fernando Cachopa e Renan
técnico: Marcelo Mendez

Taichung Bank: Liu Hong-Jie, Liu Hung-Min, Chiang Tien-Yu,Wu, Huang, Chen e Tung (líbero)
entraram: Chien-Feng, Ming-Chun e Liang-Hao
técnico: Ke-Chou Cheng

foto: FIVB/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário