terça-feira, 18 de outubro de 2016

(Mundial de Clubes) Minas Tênis Clube perde para os argentinos do UPCN

Na estreia do Mundial de Clubes, o Minas Tênis Clube perdeu para a UPCN, da Argentina, por 3 sets a 0, parciais de 25/22, 25/18 e 25/18, no ginásio Divino Braga, em Betim. Com o ataque forte do adversário e uma defesa irregular, a equipe brasileira não conseguiu impor seu jogo, mesmo tendo o cubano Bisset como o maior pontuador do jogo, com 13 acertos.

O Minas Tênis Clube começou o primeiro set bem. O time adotou um volume de jogo muito bom no ataque e conseguiu equilibrar a primeira parcial. No entanto, os argentinos conseguiram abrir vantagem no final fizeram 25 a 22. A equipe de Belo Horizonte abusava dos erros de saque e encontrava muitas dificuldades para passar pelo bloqueio adversário. Por outro lado, os argentinos aproveitaram as falhas e venceram o segundo set: 25 a 18. No terceiro set, o UPCN foi ainda mais intenso ao ataque e com tranquilidade fez 25 a 18.

“Teríamos que ganhar esse jogo para termos chances reais de classificação. Agora, ficou difícil. Acho que o nosso foco, a partir de agora, é tentar se apresentar da melhor maneira possível. Temos que diminuir o número de erros e potencializar os nossos pontos fortes. Sacamos muito mal, não defendemos bem e, em momento algum do jogo, pressionamos o UPCN. Vamos tentar melhorar para o próximo jogo”, avaliou o técnico Nery Tambeiro.

“Erramos muito. Não sacamos bem e não conseguimos segurar o ataque deles. Nosso time precisa ter mais atenção e não podemos mais cometer essas falhas. Fica a lição para os próximos jogos, e vamos repensar a nossa forma de jogar”, comentou o central Flávio.

Pelo Grupo A, o Zenit/Kazan, da Rússia, venceu o Tala’ea El-Gaish, do Egito, por 3 sets a 0, parciais de 25/14, 25/19 e 25/15. Nesta quarta-feira, mais três jogos movimentam o Mundial de Clubes. Às 14h, a UPCN faz o clássico contra o Bolívar, enquanto às 16h30min, o Minas Tênis Clube pega o Trentino, da Itália, e às 19h, o Sada/Cruzeiro enfrenta os egípcios do Tala’ea El-Gaish.

Equipes:


Minas Tênis Clube: Gelinski, Bisset, Mão, Samuel, Pétrus, Flávio e Rogerinho (líbero)
entraram: Willian, Maique, Abouba, Vanole e Bruno
técnico: Nery Tambeiro

UPCN:
Vermiglio, Uchikov, Lazo, Filardi, Gustavão, Ramos e Garrocq (líbero)
entraram: Gusman e Scholtis
técnico: Fabián Armoa

foto: Orlando Bento/Minas Tênis Clube

Nenhum comentário:

Postar um comentário