quarta-feira, 5 de outubro de 2016

(Mineiro) Minas Tênis Clube derrota Montes Claros no tie-break e vai a final

Uma semifinal dramática. Desta forma podemos definir o duelo entre Minas Tênis Clube e Montes Claros no ginásio Tancredo Neves. Após muita disputa, a equipe de Belo Horizonte venceu por 3 sets a 2, parciais de 24/26, 19/25, 21/25, 22/25 e 15/13, conquistando assim o direito de fazer a final do Campeonato Mineiro diante do Sada/Cruzeiro, que passou pelo JF Vôlei.

O Minas Tênis Clube começou o jogo com muita intensidade no ataque, abrindo logo 6 a 2. Entretanto, os donos da casa reagiram e equilibraram a partida. O duelo seguiu bem disputado até os últimos pontos da parcial, vencida pelos visitantes por 24 a 26. No segundo set, foi o Montes Claros que abriu vantagem (3 a 0), obrigando o técnico Nery Tambeiro a parar o jogo. Após o pedido de tempo, o time de Belo Horizonte melhorou e com bom aproveitamento na recepção e boas viradas de bola fechou a parcial em 19 a 25.

Com 2 sets a 0 contra, Montes Claros precisava vencer o terceiro período de qualquer maneira. O duelo era tenso e quando a partida estava empatada em 20 a 20, a arbitragem anotou dois pontos de saque para os donos da casa, o que causou a fúria do ponteiro Mão, que acabou tomando cartão vermelho. A situação desconcentrou os visitantes e o Pequi Atômico venceu por 25 a 21.

No quarto set, o Minas Tênis Clube estava bem diferente do que tinha apresentado antes da confusão toda com a arbitragem. Montes Claros foi aproveitando os erros do adversário e foi abrindo vantagem. Mesmo com uma reação no final do set, os comandados de Nery Tambeiro não conseguiram a virada: 25 a 22. No tie-break, os dois clubes travaram um duelo emocionante, porém os visitantes tiveram mais tranquilidade para fechar em 15 a 12.

“Nós não começamos bem o jogo, deixamos para buscar um pouco mais no final. Nós sabíamos que seria um jogo difícil, são suas equipes bastante equilibradas e bem parecidas uma com a outra e que tudo seria decido nos detalhes. Infelizmente por alguns detalhes a gente deixou escapar”, afirmou o técnico Marcelinho Ramos.

Minas Tênis Clube e Sada/Cruzeiro decidem o Campeonato Mineiro na próxima sexta-feira, às 20h, no ginásio do Riacho, em Contagem, já que o time celeste tem vantagem por ter feito a melhor campanha da fase classificatória. Desde 2010 as duas equipes vem fazendo a final do Estadual, todas com vantagem da Raposa.

foto: Fredson Souza/MCV

Um comentário:

  1. Mais uma vez venho aqui para pedir a correção do testo escrito por vocês. Quem ficou furioso e tomou o cartão vermelho o ponteiro passador o Mão e não Thiago Gelinsky, favor corrigir o testo

    ResponderExcluir