quinta-feira, 29 de setembro de 2016

(Mineiro) Sada/Cruzeiro x Minas Tênis Clube fecha fase classificatória

Fechando a fase classificatória do Campeonato Mineiro, o Sada/Cruzeiro recebe, nesta sexta-feira, às 20h, o Minas Tênis Clube, no ginásio do Riacho, em Contagem. Com o primeiro lugar assegurado (14 pontos), o time celeste pretende seguir invicto no torneio, enquanto a equipe de Belo Horizonte, atualmente no 3º lugar, com 7 pontos, pensa em ultrapassar Montes Claros (10 pontos) e garantir a vantagem nas semifinais.

O técnico Marcelo Mendez sabe que o Mundial de Clubes está próximo (acontece de 18 a 23 de outubro, na cidade de Betim), porém o foco no momento é de fazer uma bela campanha no Estadual e confirmar mais um título. Por conta disso, cada jogo vale muito, independente de já estar na semifinal, onde vai encarar o JF Vôlei, no próximo dia 4, no Riachão.

“Este clássico é um jogo importante pra gente continuar invicto. O essencial para o nosso time é poder usar todos os jogos para crescer, e acho que é o que a gente tem feito. Agora é pensar no Minas, esquecer o Mundial um pouco, porque o Mineiro é importante pra gente e estamos focados para esta etapa. Até porque, para chegar preparado lá, temos que desenvolver bem agora. E é nisso que o grupo está focado. A gente entra sempre para ganhar e chegar ao pódio, isso demonstra a nossa força. E ainda vamos contar com o apoio da torcida, que com certeza vai encher o ginásio amanhã e fazer aquele caldeirão”, comentou o central Isac.

Pelo lado do Minas Tênis Clube, a primeira fase do Campeonato Mineiro foi uma verdade prova de fogo, já que não utilizou em nenhum momento a Arena JK, fazendo assim os jogos que teria mando de quadra, na casa do adversário. Mesmo assim, conseguiu resultados importantes, como a vitória no último sábado, diante do Montes Claros, no tie-break, no ginásio Tancredo Neves.

“O Sada/Cruzeiro é o time mais forte do Brasil. É importante não pensarmos apenas no resultado, mas focar também em jogar bem, em sair de quadra com a cabeça tranquila. Isso nos dará mais confiança para a semifinal contra o Montes Claros. Nos preparamos bem para a partida, corrigindo o que pecamos nos últimos jogos”, disse o central Flávio.

O técnico Nery Tambeiro entende que encarar o Sada/Cruzeiro, no Riachão, não é tarefa das mais fáceis, porém passou a semana trabalhando o saque e buscando corrigir alguns erros apresentados em partidas anteriores. Por se tratar de um clássico, ganha aquela equipe que erra menos, principalmente nos minutos finais das parciais e para isso a experiência de jogadores como do ponteiro Samuel pode contar muito.

foto: Renato Araújo/Sada/Cruzeiro/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário