sexta-feira, 30 de setembro de 2016

(Gaúcho) Voleisul/Paquetá Esportes estreia em casa diante do Bento Vôlei

Neste sábado, às 19h, o Voleisul/Paquetá Esportes encara o Bento Vôlei, no ginásio da Sociedade Ginástica de Novo Hamburgo, em sua estreia no Campeonato Gaúcho. A equipe comandada por Reinaldo Bacilieri chega disposta a brigar pelo título inédito, enquanto o time da Serra, que perdeu seu primeiro jogo para o Lebes/Gedore/Canoas, quer se recuperar o mais rápido possível.

Depois de realizar um torneio amistoso em casa, o Voleisul/Paquetá Esportes fará seu primeiro compromisso oficial e já com a missão de vencer, pois o Estadual deste ano será de ‘tiro curto’, onde três equipes se enfrentam turno e returno e as duas primeiras fazem a final. Para incentivar a participação do público não haverá cobrança de ingresso, e os torcedores poderão fazer uma contribuição espontânea para o projeto.

“Tivemos três semanas de muito trabalho e agora esperamos colocar em pratica o que treinamos. Montamos uma equipe competitiva, que com certeza vai brigar o tempo todo. Em uma competição curta não podemos errar, especialmente em casa”, ressaltou o treinador Reinaldo Bacilieri, que conta no elenco com jogadores experientes como o oposto Edinho, o central Aureliano e o ponteiro André Lukianetz.

“Nossa equipe é muito homogênea. Tem 12 jogadores que podem atuar, sendo que nos treinos a gente reveza e no torneio passado fizemos muitas alterações. Fizemos um time para se ajudar, para ajudar a Voleisul a voltar para a Superliga B. Estamos aqui para seguir um projeto e ajudar a crescer o voleibol na Ginástica e em Novo Hamburgo”, completou o ponteiro André Lukianetz, que no início da temporada passada sofreu uma ruptura no tendão de aquiles do tornozelo direito.

“Eu passei a temporada intera passada sem jogar. Até tentei atuar no final da Superliga, mas o tendão doía demais. Eu segui em Novo Hamburgo fazendo tratamento e quando surgiu a oportunidade de jogar o Campeonato Gaúcho eu pensei que seria bom pra mim, pois eles me deram força e eu retribuir em quadra (...) Agora nesses dois meses de trabalho é que eu estou começando a ver como será. É passo a passo, cada dia um pouco a mais. Estou saltando com mais tranquilidade”, concluiu o jogador.

No Bento Vôlei, a derrota na estreia por 3 sets a 0 não foi considerada de toda ruim, já que o time, em pelo menos dois sets equilibrou as ações e só perdeu nos detalhes. O técnico Carlão Mantovanelli vem aproveitando a experiência de alguns atletas do elenco, como o levantador Rivoli e o líbero Daniel para dar consistência a equipe que ainda segue na dúvida extra-quadra quanto a participação na Superliga 2016/2017.

Como fato bacana, antes da partida entre Voleisul/Paquetá Esportes e Bento Vôlei, ocorrerá um mini-vôlei para as crianças. A atividade será aberta para meninos e meninas de idades entre sete e 12 anos. Os participantes terão espaços reservados para assistir ao jogo da noite. O mini-vôlei começa às 16h e segue até às 18h.

foto: ​Alisson Coelho/​DOC Conteúdo

Nenhum comentário:

Postar um comentário