sexta-feira, 22 de julho de 2016

Com dúvida no grau da lesão, Murilo se despede da Seleção Brasileira

O corte final para os Jogos Olímpicos Rio/2016 foi revelado na última segunda-feira, quando os nomes de Murilo, Isac e Tiago Brendle ficaram de fora da lista de Bernardinho. Enquanto o central e o líbero têm idades suficientes para outro ciclo olímpico, o ponteiro de 35 anos deixou claro, que está se despedindo da Seleção Brasileira.

“A seleção esse ano para mim acaba. Não da maneira que eu gostaria, mas tudo que fiz foi com muita intensidade, amor, orgulho, e fico feliz por representar o meu país por tanto tempo. Espero jogar vôlei enquanto estiver me divertindo, mostrar para o meu filho, que ainda não entende. Outra Olimpíada nem pensar. Quatro anos é muito tempo. É natural. Infelizmente, chega um momento que acaba e hoje se encerra um ciclo”, afirmou o emocionado Murilo, em meio a vários jornalistas no saguão do Aeroporto Internacional Tom Jobim.

A emoção de Murilo se justifica, pois o seu corte foi considerado uma grande surpresa, ainda mais pelo que fez na temporada passada e pela sua importância no grupo de jogadores. Com dores na panturrilha esquerda acabou de fora da fase final da Liga Mundial na Polônia, porém não foi feita nenhuma ressonância magnética para saber a gravidade de sua lesão.

“O que mais me incomoda nessa questão física é que ainda temos 15 dias. Com certeza, hoje eu não teria condições de entrar em quadra e jogar um jogo inteiro. A panturrilha ia me incomodar. Talvez não no início, mas durante. Não conseguimos fazer uma ressonância para ter certeza do grau da lesão, se existe a lesão ou se é uma contratura. Então, isso me incomoda um pouco, me deixa com a pulga atrás da orelha”, ressaltou o ponteiro.

O técnico Bernardinho explicou o corte, preocupado com as condições físicas de Murilo e citou Lipe (convocado) que também tem histórico de lesões, mas chegou a atuar alguns jogos na Cracóvia. Os 12 convocados para os Jogos Olímpicos Rio/2016 se apresentam nesta sexta-feira à noite no centro de treinamento em Saquarema.

foto: Wander Roberto/Inovafoto/CBV

Nenhum comentário:

Postar um comentário