Rafael Araujo fala sobre expectativa de jogar no voleibol polonês

Depois de defender o Sesi-SP e de vestir a camisa de vários clubes brasileiros, como Cimed e Funvic/Taubaté, o oposto Rafael Araujo terá um grande desafio na temporada 2016/2017. O jogador de 25 anos atuará pela primeira vez no exterior, mais precisamente no MKS Bedzin, da Polônia, sendo que a escolha não foi por acaso, já que o país europeu tem uma das ligas mais fortes do mundo e uma torcida apaixonada por voleibol.

“Será um ótimo lugar para a primeira experiência fora. O país respira vôlei e espero poder evoluir muito. Estou em um momento de dar um salto no nível do meu jogo. Estar na Polônia é uma experiência tanto de vida quanto no vôlei, e é totalmente nova para mim. Espero evoluir em todos os aspectos e ajudar meu time a conseguir os melhores resultados possíveis. Estou muito animado e vou dar meu melhor”, afirmou Rafael Araujo.

A apresentação do oposto à nova equipe está marcada para agosto. Até lá, Rafael Araujo trabalhará no Brasil para chegar bem ao MKS Bedzin. Campeão mundial Sub-23 com a Seleção Brasileira, o jogador espera crescer tecnicamente e tirar proveito dos benefícios de se viver em uma cultura diferente.

foto: Sesi-SP/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Com novidades, Apan/Barão/Esferatur/Blumenau só pensa na Superliga B

Representando o Norte e o Amazonas, AA Nilton Lins encara a Taça Prata

Com jogos ao vivo na web, Taça Prata começa nesta terça-feira em Itapetininga