quinta-feira, 19 de maio de 2016

Confederações brasileiras podem iniciar ações conjuntas em breve

No último dia 10 executivos de quatro grandes confederações nacionais se encontraram no Rio de Janeiro com o objetivo de realizar ações conjuntas e melhorar o intercâmbio de experiências no esporte. Estiveram presentes membros do vôlei, handebol, basquete e futsal, que prometem fazer encontros periódicos para discutirem questões comuns às quatro modalidades de quadra.

“A troca de informações é fundamental para que possamos ter o maior proveito possível das oportunidades que sejam comuns a todos nós. E também servirá para que identifiquemos soluções para superar problemas comuns”, comentou o secretário nacional de Esportes de Alto Rendimento, Guilherme Raso.

“Estes esportes, que estão entre os preferidos dos brasileiros, ganham força quando caminham juntos. É importante termos ações em comum, sempre pensando no sucesso das modalidades, mas com base principalmente na sustentabilidade econômica dos clubes”, avaliou o diretor de Seleções da CBV, Renan Dal Zotto.

Um dos pontos discutidos neste primeiro encontrou foi a possibilidade de não realizar as finais das competições simultaneamente e tentar, ao máximo, imitar o modelo esportivo norte-americano. Além disso, existe a possibilidade de acordos com a televisão e de fornecedores serem feitos em conjunto para facilitar as negociações. 

foto: CBV/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário