quarta-feira, 9 de março de 2016

(Superliga) Para cumprir tabela, Brasil Kirin recebe Sesi-SP no Taquaral

Pela última rodada da fase classificatória da Superliga 2015/2016, o Brasil Kirin enfrenta o Sesi-SP, nesta quarta-feira, às 20h, no ginásio do Taquaral, apenas para cumprir tabela. As duas equipes já estão classificadas para os playoffs e não tem como mudar de posição, sendo que o time de Campinas aparece em 3º lugar, com 41 pontos, enquanto o clube paulistano ocupa o 4º lugar, com 37 pontos.

O Brasil Kirin chega para o duelo embalado por uma boa vitória sobre o Juiz de Fora por 3 sets a 1, em Minas Gerais, e com alguns jogadores em grande fase, como o levantador Gonzalez. Com cinco vitórias nos últimos seis jogos, os comandados do técnico Alexandre Stanzioni só pensam em chegar bem aos playoffs e nada melhor do que uma vitória em casa diante de um rival paulista.

“O primeiro objetivo foi concluído, mas ainda tem muito campeonato pela frente. Os playoffs são um torneio a parte, com uma característica um pouco diferente, já que quem perder estará fora. Conquistamos a vantagem de decidir as quartas dentro de casa. Esperamos por jogos muito equilibrados e isto pode fazer a diferença a nosso favor (...) É um jogo que pode não valer muita coisa pela classificação, mas para nós será tratado com a mesma seriedade de qualquer outro. Temos que entrar o mais forte possível, pois os playoffs estão batendo na porta e não podemos relaxar. Precisamos manter o ritmo lá no alto, pois a próxima fase exigirá isto”, comentou o técnico Alexandre Stanzioni.

Pelo lado do Sesi-SP, o momento é de colocar a casa no lugar e tentar apagar as péssimas apresentações das últimas rodadas, principalmente contra Bento Vôlei/Isabela e Voleisul/Paquetá Esportes, na Vila Leopoldina. O técnico Marcos Pacheco chegou a ver uma certa evolução na derrota para o Sada/Cruzeiro, em Contagem, porém espera um time mais focado desde o início em Campinas para encerrar o jejum de resultados negativos.

Equipes:

Brasil Kirin: Gonzalez, Wallace, Luizinho, Maurício, Olteanu, Lucas Lóh e Tiago Brendle (líbero)
técnico: Alexandre Stanzioni

Sesi-SP: Thiaguinho, Théo, Gustavão, Aracaju, Douglas, Murilo e Serginho (líbero)
técnico: Marcos Pacheco

foto: Gabriel Inamine/Brasil Kirin

Nenhum comentário:

Postar um comentário