quinta-feira, 10 de março de 2016

(Superliga) Lebes/Gedore/Canoas faz sua parte e vence Copel Telecom/Maringá

Para chegar aos playoffs, o Lebes/Gedore/Canoas precisava além de vencer o Copel Telecom/Maringá torcer para as derrotas de Voleisul/Paquetá Esportes e São José dos Campos pela última rodada da fase classificatória da Superliga 2015/2016. Jogando no ginásio La Salle, os comandados de Marcelo Fronckowiak venceram os paranaenses por 3 sets a 0, parciais de 25/18, 25/11 e 25/20, porém terminaram a competição na 8ª colocação, com 27 pontos, dois a menos que o time do Vale do Paraíba.

O primeiro set começou equilibrado, com as duas equipes mostrando que queriam conquistar a vitória. Na primeira parada técnica, o Lebes/Gedore/Canoas vencia por 8 a 5, mas no segundo tempo técnico o placar era de apenas um ponto de vantagem para os gaúchos: 16 a 15. Na reta final da parcial, o time da casa se impôs após a inversão de 5-1 feita pelo técnico Horacio Dileo e, com uma bola de xeque de Matheus, fechou o set em 25 a 18.

Por ter perdido o set anterior, o Copel Telecom/Maringá já estava matematicamente rebaixado (vai disputar a seletiva) e pareceu ter sentido na segunda parcial. Logo no começo, o time gaúcho abriu larga vantagem fazendo 8 a 1 na primeira parada técnica e incríveis 16 a 4 na segunda parada obrigatória. Sem nenhuma dificuldade, o Lebes/Gedore/Canoas, com um bloqueio de Dennis, venceu o segundo período por 25 a 11.

Livre da ameaça de rebaixamento, o Lebes/Gedore/Canoas jogou solto em quadra no terceiro set, fazendo 8 a 5 na primeira parada técnica. Mesmo com o Copel Telecom/Maringá arriscando mais (não tinha nada a perder), a equipe gaúcha se manteve na frente e fez 16 a 11 na segunda parada obrigatória. Forçando os saques e segurando na defesa, os comandados de Marcelo Fronckowiak mostraram mais volume de jogo e fecharam o duelo com 25 a 18.

“Entramos com a cabeça focada em fazer nosso jogo, e realmente fizemos. Mostramos nesta partida do que realmente somos capazes. A classificação não veio, mas temos consciência que deixamos escapar nos últimos cinco jogos. Começamos muito bem a temporada, ganhando o Campeonato Gaúcho e chegando a lutar pela quinta colocação durante a Superliga. Mas não conseguimos manter o ritmo no último terço da competição, e acabamos deixando pra decidir na última partida. Fica o sentimento de frustração, mas agora é erguer a cabeça e já começar a projetar a próxima temporada”, avaliou o supervisor do Lebes/Gedore/Canoas, Gustavo Endres.

Agora, o Lebes/Gedore/Canoas só deve retomar as atividades após os Jogos Olímpicos, quando recomeçam as competições oficiais dos clubes brasileiros. Já o Copel Telecom/Maringá, que terminou na 11ª posição, com 21 pontos, encara a seletiva que contará com o Juiz de Fora e mais dois times da Superliga B, onde o campeão estará na Superliga 2016/2017.

Equipes:

Lebes/Gedore/Canoas: Evandro, Dennis; Léo Caldeira, Bozko; Victor Hugo, Matheus; Jeffe (líbero)
entraram: Alê, Sandro, Wanderson, Rafão e Pallotti
tecnico: Marcelo Fronckowiak

Copel Telecom/Maringá: Gelinski, Luan; Fukuzawa, Deivid; Exoce, Ualas; Rogerinho (líbero)
entraram: Elder, Alemão, Kaio, Edinho, Aureliano, Guilherme Gentil
técnico: Horacio Dileo.

foto: Fernando Potrick/Gama

Nenhum comentário:

Postar um comentário