domingo, 10 de janeiro de 2016

(Superliga) Juiz de Fora vence a primeira diante do Voleisul/Paquetá Esportes

Em um confronto bastante disputado, o Juiz de Fora derrotou o Voleisul/Paquetá Esportes por 3 sets a 2, parciais de 25/23, 20/25, 25/27, 25/23 e 15/11, no ginásio da UFJF, pela 1ª rodada do returno da Superliga 2015/2016. Essa foi a primeira vitória da equipe mineira na competição, que chega a gora a cinco pontos, seguindo na lanterna. Já o time gaúcho caiu para o 10º lugar, com 14 pontos.

O início de partida foi de equilíbrio entre as duas equipes. Na primeira parada técnica o Juiz de Fora Vôlei vencia por apenas um ponto (8 a 7), sendo que o duelo era bem disputado. No segundo tempo obrigatório, o Voleisul/Paquetá Esportes vencia por 15 a 16, porém melhor em quadra, os donos da casa, com destaque para o ponteiro Renato conseguiram ter mais tranquilidade no final para fechar o primeiro set em 25 a 23.

AVoleisul/Paquetá Esportes voltou com outra postura na segunda parcial e logo na primeira parada técnica o placar era de 3 a 8. Durante grande parte do set os gaúchos mantiveram uma vantagem de cerca de cinco pontos, fazendo 10 a 16 no segundo tempo técnico. O equilíbrio do confronto voltaria ao final do set, com os mineiros encostando e ameaçando, porém os comandados de Paulo Roese seguraram a ponta do marcador e fecharam em 20 a 25.

Como jogo empatado as duas equipes foram em busca da vantagem que poderia encaminhar a vitória. Os dois times fizeram um terceiro set equilibrado, sem que nenhuma das equipes abrisse grande vantagem. A Voleisul/Paquetá Esportes esteve na frente na primeira e na segunda parada técnica: 6 a 8 e 15 a 16, respectivamente. Na reta final, após intensa disputa, os visitantes conseguiram abrir pequena vantagem e venceram por 25 a 27.

O equilíbrio do set anterior foi ainda maior no quarto. Durante a parcial nenhum dos dois times conseguiu abrir dois pontos de vantagem. No primeiro tempo técnico, o Juiz de Fora vencia 8 a 7, enquanto no segundo tempo obrigatório, os gaúchos venciam por 15 a 16. Os donos da casa chegaram a abrir 22 a 20 na reta final , porém o técnico Paulo Roese pediu tempo, e na volta a Voleisul/Paquetá Esportes não apenas empatou, como passou à frente na contagem: 22 a 23. Quando parecia que o time gaúcho venceria o jogo, o Juiz de Fora voltou a virar, e venceu por 25 a 23.

No tie-break, novamente as duas equipes mostraram muita força no ataque. No começo bastante equilíbrio, até que o Juiz de Fora conseguiu abrir boa vantagem: 10 a 6. Mesmo sofrendo a pressão da equipe de Novo Hamburgo, os comandados de Alessandro Fadul mantiveram a ponta, fazendo 12 a 8 e na sequência fechando o confronto em 15 a 11.

“Ganhar era crucial. O campeonato é longo e ainda temos dez jogos pela frente. Quem sabe não podemos sonhar com um lugar entre os oito primeiros? Sábado que vem temos que entrar mais focados ainda. Me dou nota 7, pois estive vinte dias parado. Mas, mesmo tendo jogado pouco tempo, estou muito feliz; já deu para ver que o time rala muito e é merecedor”, declarou o oposto Thiago Maciel.

“O grupo precisava dela para ganhar confiança. Poderia ter saído antes, pois deixamos algumas oportunidades escaparem. Mas os jogadores nunca entraram de cabeça baixa em quadra. A vitória veio para coroar tudo o que eles vêm fazendo. A evolução é muito grande: fomos bem nos contra-ataques, nos saques, nos bloqueios (...) A equipe está de parabéns. Os dezesseis atletas merecem, por tudo o que fazem nos treinamentos. Que a gente possa criar outras oportunidades de vencer e aproveitá-las”, disse o técnico Alessandro Fadul.

Na próxima rodada da Superliga 2015/2016, o Juiz de Fora encara o Bento Vôlei/Isabela, no sábado, às 18h, no ginásio da UFJF. No mesmo dia, às 19h, o Voleisul/Paquetá Esportes enfrenta o Sada/Cruzeiro, no ginásio do Riacho, em Contagem.

Equipes:

Juiz de Fora Vôlei: Maurício, Leandrão, Diego Almeida, Igor, Renato Hermely, Djalma e Fabio Paes (libero)
entraram: Tatinho, Tarik, Thiago Maciel, Felipe Hernandez e Ninão
técnico: Alessandro Fadul

Voleisul/Paquetá Esportes: Rafinha, Franco, Acácio, Robinho, Mão, Jonatas e Thales (líbero)
entraram: Bernardo Roese, Renan, Nicolas e Composto
técnico: Paulo Roese

foto: Acesso Comunicação Jr.

Nenhum comentário:

Postar um comentário