terça-feira, 19 de janeiro de 2016

(Superliga B) Sada/Unifemm recebe o Monte Cristo em Sete Lagoas

Sada/Unifemm e Monte Cristo se enfrentam nesta quarta-feira, às 19h, no ginásio do Unifemm, em Sete Lagoas, pela 2ª rodada da Superliga B. Atual campeão, os mineiros querem seguir mostrando que os jovens talentos seguem brotando no projeto, enquanto o time de Goiás retomou as atividades e quer brigar por um lugar na elite nacional.

Depois de vencer a competição no ano passado, surpreendendo times adultos e mostrando a força da base do Sada/Cruzeiro, a parceria com a Unifemm continua e o técnico Henrique Furtado está otimista tanto a participação da equipe. Sendo essa a terceira vez que o jovem time disputa a divisão de acesso do voleibol nacional, a questão agora é saber lidar com a pressão.

“O que este time fez no ano passado foi um grande incentivo para toda a nossa categoria de base e também para os alunos dos projetos sociais e escolinhas de vôlei que o Sada Cruzeiro tem parceria. Vamos firmes para esta competição, para fazer o nosso melhor novamente. Tivemos um apoio grande o ano passado, jogando em Sete Lagoas, e agora repetimos esse ciclo”, disse o técnico Henrique Furtado.

“Conhecemos bem alguns jogadores, esse time tem uma base que já foi campeã da Superliga B, que já jogou Superliga A. Tem jogadores interessantes como o ponteiro Danilo, o Vivalde e tem uma dupla forte de centrais. É uma equipe que ataca muito bem. Estamos trabalhando da melhor maneira possível com as informações que temos para tentar criar uma boa estratégia para anular o forte ataque deles”, completou o treinador celeste.

No Monte Cristo, o técnico e gestor Paulo Martins não esconde a felicidade de retornar a Superliga B e, principalmente o projeto. Tendo no elenco jogadores experientes como o central Lucas Gil e o levantador Fabiano, o objetivo é pensar duelo a duelo, sendo que a 2ª fase é praticamente uma competição diferente, com um mata-mata curso, onde ter ido bem na 1ª fase pode fazer muita diferença.

“Começamos a estruturação do Monte Cristo com uma equipe jovem ainda em 2015, jogando a Liga Nacional. A expectativa para a Superliga B é a melhor possível. Reiniciamos o trabalho com a mescla de jogadores que foram campeões em 2013 com atletas mais jovens. Almejamos nesta temporada, inicialmente, a classificação para as quartas. Reiniciamos o trabalho com pé no chão, focando na estruturação da equipe e melhorando os investimentos”, disse o treinador Paulo Martins.

foto: Renato Araujo/Sada/Cruzeiro/Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário