terça-feira, 19 de janeiro de 2016

(Superliga B) Clássico marca estreias de Flamengo e Botafogo

Nesta quarta-feira, às16h, Flamengo e Botafogo se enfrentam no ginásio Togo Renan Soares, pela 2ª rodada da Superliga B. A partida será a estreia das duas equipes na competição, que estão no Grupo B ao lado de Sada/Unifemm, Monte Cristo, Upis/Brasília e Uberlândia/Gabarito.

A base que foi vice-campeã do Campeonato Carioca recebeu alguns reforços, como o central/oposto Jardel, porém o objetivo e fazer os jovens ganharem experiência disputando uma competição nacional. Para o técnico Arly Cunha não existe como esconder a felicidade em poder treinar o time que na Superliga B.

“A expectativa é a melhor possível. Estamos fazendo um trabalho forte tanto física quanto tecnicamente. A gente espera a torcida em peso na Gávea e estamos bem confiantes para esse jogo por ser um rival que a gente já conhece. Jogamos cinco jogos contra eles no ano passado. Perdemos três e ganhamos duas e esperamos reverter esse retrospecto”, declarou o levantador Gabriel.

“Jogar essa liga é uma satisfação muito grande. Ainda mais para mim que estou há 28 anos no Flamengo e com a oportunidade de comandar a equipe para tentar levar o Flamengo até a Superliga A. É uma satisfação e um prazer muito grande, vamos reunir todos os esforços possíveis para dar essa alegria para torcida rubro-negra. Contra o Botafogo, a expectativa é sempre boa. Vai depender do esforço de cada equipe, será um jogo muito equilibrado e nós vamos dar o sangue e o coração”, disse o treinador Arly Cunha.

Pelo lado do Botafogo, a ideia é manter o bom ritmo apresentado nas conquistas da Copa Rio e do Campeonato Carioca, onde acabou derrotando o rival rubro-negro nas decisões. O destaque da equipe é o central e capitão Marcelão, que tem experiência de já ter atuado em vários clube e disputado a elite nacional.

“Nossa expectativa é muito boa para a Superliga B. Apesar de não conhecer as equipes adversárias, o Botafogo está se preparando com muita dedicação. Temos jogadores experientes, que jogaram na Europa e Superliga A, e uma garotada muito boa. É um time mesclado e estamos entrando na competição em busca da classificação para disputar as fases decisivas com afinco”, afirmou o técnico Mauro Lima.

“O time do Botafogo mistura atletas mais experientes e veteranos, que algum momento de sua vida passaram pelo clube, com atletas mais novos que ainda procuram seu espaço no cenário do vôlei nacional. O ano nos trouxe duas conquistas (Estadual e Carioca) e isso nos credencia a representar bem o Rio de Janeiro na Superliga B deste ano”, destacou Marcelão.

foto: Gilvan de Souza/Flamengo

Nenhum comentário:

Postar um comentário