terça-feira, 24 de novembro de 2015

(Superliga) Na briga pela ponta da tabela, Funvic/Taubaté pega Brasil Kirin

Na abertura da 5ª rodada da Superliga 2015/2016, a Funvic/Taubaté encara o Brasil Kirin, nesta quarta-feira, às 18h45min, no ginásio Abaeté. Ocupando a 2ª colocação, com nove pontos, o time do Vale do Paraíba busca a vitória para chegar a ponta da tabela, o que também é o objetivo da equipe de Campinas, que está no 4º lugar, com oito pontos. A partida terá transmissão do Sportv.

Depois de perder na estreia, a Funvic/Taubaté conseguiu três vitórias seguidas (Bento Vôlei/Isabela, Voleisul/Paquetá Esportes e Minas Tênis Clube). O técnico Cezar Douglas teve como boas notícias na última rodada, contra os mineiros, as voltas do levantador Rapha e do central Otávio, porém o grande nome da equipe do Vale do Paraíba no momento é o ponteiro Lucarelli.

“Ter o Rapha e do Otávio de volta foi muito importante. O time vinha bem, mas eles acrescentam ainda mais ao grupo. A vitória passada nos manteve confiantes e isso vai ajudar bastante no jogo contra o Brasil Kirin”, disse o ponteiro Lucarelli.

Embalado pela vitória sobre Lebes/Gedore/Canoas na última rodada, O Brasil Kirin chega para o duelo querendo vencer e fazer uma partida equilibrada, sem erros que podem custar a vitória. O ‘apagão’ apresentado no quarto set contra o time gaúcho, estava 16 a 8 e acabou perdendo por 25 a 23, é algo para ser lembrado para não acontecer novamente.

“É o confronto de dois times que tem grandes jogadores e que estão buscando os mesmos objetivos na temporada. Por isto, não dá pra esperar outra coisa senão um jogo com nível técnico alto. Estou bastante otimista para que possamos fazer uma boa partida. Conseguimos jogar bem durante praticamente toda partida contra Canoas e temos que manter, no mínimo, este padrão para crescermos ainda mais”, comentou o levantador Gonzalez.

“Será um jogo complicado como todos os outros da Superliga. Taubaté é um time grande, que vai estar sempre brigando pelas mesmas posições que a gente. Por jogarmos fora de casa, contra um adversário complicado, temos que forçar o jogo, nos impor para não sofrer pressão. Precisamos construir um jogo com cautela e aproveitar as chances que criarmos”, acrescentou o técnico Alexandre Stanzioni.

Equipes:

Funvic/Taubaté: Rapha, Leozão, Lucarelli, Japa, Deivid, Ialisson e Felipe (líbero)
técnico: Cezar Douglas

Brasil Kirin: González, Wallace, Lucas Loh, Olteanu, Vini, Maurício Souza e Tiago Brendle (líbero)
técnico: Alexandre Stanzioni

foto: Rafinha/Funvic Taubaté

Nenhum comentário:

Postar um comentário