domingo, 15 de novembro de 2015

(Superliga) Em jogo duro, Funvic/Taubaté supera Voleisul/Paquetá Esportes

Pela 3ª rodada da Superliga 2015/2016, a Funvic/Taubaté venceu o Voleisul/Paquetá Esportes por 3 sets a 1, parciais de 19/25, 25/19, 25/21 e 28/26, no ginásio Abaeté. Com o resultado, o time do Vale do Paraíba chegou a segunda colocação, com sete pontos, enquanto a equipe gaúcha sofreu sua primeira derrota e agora ocupa o quarto lugar, com seis pontos.

Vindo invicto para o confronto, o Voleisul/Paquetá Esportes começou melhor o duelo e logo fez 5 a 8 na primeira parada técnica. Com boas atuações do central Robinho e do oposto Franco, os gaúchos foram abrindo no placar: 10 a 16. Na reta final, a Funvic/Taubaté chegou a encostar: 17 a 21 e mesmo sem contar com o ponteiro Samuel (que deixou a quadra com dores no braço), a equipe de Novo Hamburgo fechou o primeiro set em 19 a 25.

Com Samuel fora de combate, o técnico Paulo Roese colocou o jovem Composto na partida. Na Funvic/Taubaté, o ponteiro Lucarelli, que estava bem marcado, começou a aparecer e ajudou o time a fazer 8 a 6 na primeira parada técnica e 16 a 12 no segundo tempo obrigatório. Com o levantador Pedro conseguiu acionar bem os ponteiros e os centrais, os donos da casa fecharam em 25 a 19.

O terceiro set foi quase uma repetição do anterior. Com o apoio da torcida, a Funvic/Taubaté cresceu no jogo e novamente abriu 8 a 6 na primeira parada técnica. Os centrais Ialisson e Deivid tinham facilidade nas viradas de bola, enquanto o Voleisul/Paquetá Esportes não conseguia encostar no placar: 16 a 12. No final, o time paulista fechou a parcial em 25 a 21.

O equilíbrio tomou conta do quarto set. Mesmo com o início parecido com os dois anteriores: 8 a 6 para os donos da casa, o que se viu foi cada bola sendo muito disputada pelos times. Na segunda parada obrigatória, a Funvic/Taubaté tinha a vantagem mínima: 16 a 15. Com o oposto Franco sendo a referência ofensiva, os gaúchos viraram o placar 20 a 21 e depois de alguns match points, os paulistas conseguiram fechar em 28 a 26.

“Importante associar essa vitória aos resultados anteriores. Foi uma evolução significativa como equipe. Hoje temos sete pontos na classificação. Muito importante estar entre os primeiros no início do campeonato”, disse o técnico Cezar Douglas.

“Foi um jogo muito difícil contra um time pesado de bloqueio, onde eu sofri no primeiro set, tanto que mudei meu estilo de atacar. Acho que todo mundo está de parabéns e a torcida foi o sétimo jogador em quadra”, afirmou o ponteiro Lucarelli.

“Eu acho que nosso time sentiu a saída do Samuel, principalmente psicologicamente (...) Estou triste porque tínhamos condições plenas de vencer o jogo, mas não deu. Tomara que a torcida compareça e nos ajude agora na volta para a casa diante do Sada/Cruzeiro”, disse o treinador Paulo Roese, após o jogo para a rádio AM 900, de Novo Hamburgo.

Na próxima sexta-feira, às 20h, o Voleisul/Paquetá Esportes volta a quadra para enfrentar o Sada/Cruzeiro, no ginásio da Sociedade Ginástica de Novo Hamburgo. Já no sábado, às 14h45min, a Funvic/Taubaté recebe o Minas Tênis Clube, novamente no ginásio Abaeté.

Equipes:

Funvic/Taubaté: Pedro, Leozão, Lucarelli, Japa, Deivid, Ialisson e Felipe (líbero)
entraram: Pedro Jukoski, Diego e Ricardo Jr.
Técnico: Cezar Douglas

Voleisul/Paquetá Esportes: Rafinha, Franco, Acácio, Robinho, Mão, Samuel e Thales (líbero)
entraram: Bernardo Roese, Jonatas, Renan e Composto
Técnico: Paulo Roese

foto: Rafinha Oliveira/Funvic Taubaté

Nenhum comentário:

Postar um comentário