sábado, 21 de novembro de 2015

(Superliga) Em casa, Bento Vôlei/Isabela derrota Juiz de Fora no tie-break

Contando com quase mil torcedores no ginásio municipal de Bento Gonçalves, o Bento Vôlei/Isabela venceu o Juiz de Fora Vôlei por 3 sets a 2, parciais de 25/19, 16/25, 25/18, 20/25 e 15/10, pela 4ª rodada da Superliga 2015/2016. Com o resultado, o time gaúcho assume o 7º lugar, com cinco pontos, enquanto a equipe mineira aparece na lanterna, com apenas dois pontos ganhos.

Depois de vencer o Sada/Cruzeiro, na última quarta-feira, era de se esperar que o Bento Vôlei entrasse forte diante do Juiz de Fora Vôlei e foi exatamente o que aconteceu no primeiro set. Com o apoio da torcida, os comandados de Paulão fizeram 8 a 6 na primeira parada técnica e 16 a 12 no segundo tempo obrigatório. Com destaque para o ponteiro Ocampo, o time gaúcho abriu vantagem na reta final e fechou por 25 a 19.

No segundo set, o Juiz de Fora veio com uma proposta tática muito boa na relação bloqueio-defesa, tanto que chegaram a primeira parada técnica na frente: 6 a 8. Com o Bento Vôlei/Isabela errando demais, principalmente no saque, e com o ponteiro Renato Hermely e o oposto Leandrão sendo eficientes, os mineiros fizeram 8 a 16 no segundo tempo técnico. No final, com tranquilidade, os visitantes administraram o placar e fecharam a parcial em 16 a 25.

No terceiro set, o técnico Paulão resolveu colocar o central Zé Ricardo no lugar de Henrique e a mudança surtiu efeito logo de cara, com o time da casa aplicando 8 a 3. A vantagem permaneceu durante boa parte da parcial, sendo que o levantador Marlon conseguiu jogar bastante com Rivaldo e Bruno Temponi, que ajudaram a equipe gaúcha a fazer 12 a 21. No final, o Juiz de Fora Vôlei tentou uma reação, mas nada que incomodasse o Bento Vôlei/Isabela que fez 25 a 18.

O quarto set foi o mais equilibrados de todos. O Juiz de Fora conseguiu chegar a primeira parada técnica na frente: 7 a 8. O técnico Alessandro Fadul fez seu time ser mais coeso na defesa e aproveitando bem os saques e os contra-ataques, os mineiros abriram 11 a 16 na segunda parada técnica. O Bento Vôlei/Isabela errava demais, principalmente na recepção, tanto que os visitantes foram aumentando a vantagem e definiram a parcial com 20 a 25.

O tie-break foi decidido pelo aproveitamento ofensivo dos mandantes, principalmente do oposto Rivaldo (maior pontuador da partida com 27 acertos). Logo no início, o time gaúcho fez 5 a 3 e após a virada de lado o placar marcava 10 a 7 para os donos da casa. Na reta final, o Juiz de Fora ainda foi punido com um cartão vermelho por reclamação e teve um membro da comissão técnica expulso pelo mesmo motivo. No fim, vitória do Bento Vôlei/Isabela por 15 a 10.

“Não existe jogo fácil. Qualquer equipe pode quebrar uma linha de passe, pode bloquear bem. Hoje as equipes têm muita informação. O campeonato está muito equilibrado. Temos que dar o máximo pra conseguir os resultados positivos”, declarou o oposto Rivaldo, eleito o melhor em quadra.

Na próxima quinta-feira, ás 20h, o Bento Vôlei/Isabela reedita a decisão do Campeonato Gaúcho recebendo o Lebes/Gedore/Canoas, no ginásio municipal de Bento Gonçalves. Já o Juiz de Fora Vôlei encara o Minas Tênis Clube, na quarta-feira, às 19h30min, no ginásio da UFJF.

Equipes:

Bento Vôlei/Isabela: Marlon, Rivaldo, Temponi, Ocampo, Giovanni, Henrique e Daniel (líbero)
entraram: Bergamo, Pedro, Rivoli, Zé Ricardo e William Refatti
técnico: Paulão

Juiz de Fora Vôlei: Maurício, Leandrão, Diego Almeida, Ninão, Renato Hermely, Mark e Fabio Paes (libero)
entraram: Felipe Hernandez, Tarik, Ricardo Faccin, Igor, Djalma e Tatinho
técnico: Alessandro Fadul

foto: Ênio Bianchetti/Bento Vôlei

Nenhum comentário:

Postar um comentário