domingo, 30 de agosto de 2015

(Mineiro) Com apoio da torcida, Montes Claros derrota Unincor/Três Corações

Mais de duas mil pessoas estiveram no ginásio Tancredo Neves para acompanhar a estreia do Montes Claros no Campeonato Mineiro e não se arrependeram. Com o forte apoio vindo da arquibancada, o Pequi Atômico venceu o Unincor/Três Corações por 3 sets a 0, parciais de 25/18, 25/23 e 25/18, iniciando com três pontos a sua caminhada dentro do Estadual. 

O Montes Claros começou o jogo meio desligado, errando na recepção contra uma equipe que iniciou mais entrosada, mas o técnico Marcelinho Ramos logo trabalhou para corrigir. Em conversa com os jogadores nas paradas de tempo técnico, o treinador do Pequi Atômico acertou a postura dos atletas e logo virou o duelo para 15 a 14. A partir daí, a equipe da casa não ficou mais atrás no placar e fechou o primeiro set em 25 a 18.

No segundo set, o Montes Claros disparou na frente e fez logo 5 a 1. A Unincor/Três Corações esboçou uma reação, tanto que conseguiu deixar tudo igual (12 a 12), quando o Pequi Atômico retomou a dianteira. O destaque foi o ponteiro Juninho que foi fundamental no saque e no passe para ajudar os donos da casa a fecharem a parcial em 25 a 23.

No terceiro set, o Unincor/Três Corações não parou de surpreender. Naquele que parecia ser o mais fácil das três parciais, os comandados de Toninho Resende resolveram endurecer o duelo para tentar arrancar um fôlego final. Entretanto, bastante concentrados, os jogadores de Montes Claros mantiveram a tranquilidade e conseguir abrir vantagem em hora decisiva para fechar em 25 a 18.

“O grande nome (da partida) foi a equipe (...) Jogamos muito bem para uma estreia. Esperávamos casa cheia, mas realmente me impressionou a galera. Eles veem muito com a gente e conseguimos escutar as cobranças, às vezes. Então, acho que a equipe se comportou muito bem. O resultado, muito bom. Mas, pretendemos evoluir ainda e vamos evoluir”, declarou o ponteiro Juninho.

“Como eu sempre disse, o time precisa jogar para passar por isso que passou (...) Passamos por um momento difícil no primeiro set, soubemos ter o entendimento do que estava acontecendo e voltamos a valorizar a posse de bola. Começamos a sacar melhor, nosso passe começou a entrar e, em consequência, a rodar a bola. Mas isto faz parte da preparação. Como preparação, gostei bastante. E melhor ainda com uma vitória”, disse o treinador Marcelinho Ramos.

A próxima partida de Montes Claros será nesta quarta-feira, às 20h, contra UFJF, no ginásio Tancredo Neves. Já a Unincor/Três Corações só volta a quadra no dia 9, às 19h30min, diante do Sada/Cruzeiro, no ginásio Pelezão.

foto: Matheus Pereira/MCV

Nenhum comentário:

Postar um comentário