terça-feira, 3 de março de 2015

(Superliga) Sesi-SP vence Sada/Cruzeiro antes do início dos playoffs

Encerrando a 11ª rodada do returno da Superliga 2014/2015, o Sesi-SP ganhou do Sada/Cruzeiro por 3 sets a 1, parciais de 25/27, 25/22, 25/21 e 25/20, no ginásio do Riacho, em Contagem. O resultado não alterou a posição na tabela de classificação dos clubes, tanto que o time mineiro terminou a fase classificatória em primeiro lugar, com 56 pontos, e a equipe paulistana finalizou no terceiro lugar, com 45 pontos.

Começando a partida com o time todo considerado reserva, o Sada/Cruzeiro abriu o placar do jogo com o ponteiro Winters. O jogo teve um início equilibrado, com as equipes trocando pontos (4 a 4). Sada/Cruzeiro e Sesi-SP tiveram novo empate em 9 a 9. O time da casa, então, colocou três de vantagem em 12 a 9 e Marcos Pacheco pediu tempo. Com dois pontos de saque consecutivos de Maurício, o Sesi-SP chegou a mais um empate (12 a 12). Com ponto de bloqueio, o time cruzeirense voltou a abrir dois: 19 a 17. A diferença aumentou em 21 a 18 e o Sesi-SP parou o jogo. Com ace de Lucarelli, o Sesi-SP encostou em 24 a 23 e foi a vez de Marcelo Mendez pedir tempo. No bom saque de Kadu, o time mineiro fechou em 27 a 25.

O equilíbrio se manteve no início do segundo set, com os times empatados em 6 a 6. Com o oposto PV, o Sada/Cruzeiro colocou dois de diferença em 8 a 6. O placar voltou a ficar igual em 10/10, mas no bloqueio de Eder Levi, o time mineiro fez 11 a 10. Na sequência, o Sesi-SP passou a comandar o placar e no bloqueio de Lucão fez 16 a 14. No ataque para fora do Sada, o Sesi-SP abriu três (18 a 15) e Marcelo Mendez pediu tempo. Os cruzeirenses buscaram e, em boa passagem de PV pelo saque, encostaram em 19 a 18. A reta final do set foi favorável ao Sesi-SP, que venceu por 25 a 22.

O time de São Paulo começou bem o terceiro set e abriu 5 a 2. O Sada Cruzeiro, no entanto, buscou e assumiu o comando do placar em 6 a 5. O Sesi-SP voltou a pontuar bem e fez 10 a 8. Com Winters explorando o bloqueio adversário, a equipe mineira chegou ao empate em 12 a 12. O Sesi-SP, então, assumiu o comando da parcial e colocou boa vantagem em 22 a 17. O Sada/Cruzeiro não permitiu que o adversário escapasse no placar, mas após pedido de tempo de Marcos Pacheco, o time paulistano fechou em 25 a 21. 

Embalado, o Sesi-SP abriu logo 3 a 0 no início do quarto set. O ritmo seguiu o mesmo e, no primeiro tempo técnico, o time de São Paulo tinha quatro de vantagem (8 a 4). Contando com o apoio da torcida, o Sada/Cruzeiro demonstrou seu poder de reação e, quando aproximou no placar (11 a 9), Pacheco pediu tempo. O time da casa ainda encostou em 12 a 11 e, no bloqueio, deixou tudo igual: 12 a 12. O jogo contou com certo equilíbrio a partir deste momento e, com Lucão, O Sesi-SP fez 22 a 19. Na sequência, o time visitante se manteve melhor e fechou em 25 a 20.

“A vitória de hoje foi importante para garantir a nossa terceira colocação, mas não jogamos bem. Não é porque o Sada Cruzeiro optou por entrar com o time que não costuma jogar, que nós tínhamos que entrar em quadra como foi. Além disso, tivemos muitos erros e fizemos uma apresentação abaixo do que estamos acostumados”, comentou o central Riad.

“Já tínhamos a primeira colocação garantida e esse jogo de hoje foi importante para que todos do grupo ganhassem ainda mais ritmo de jogo. Sabemos que, no playoff, é importante ter todos muito bem e tivemos a chance de colocar em quadra os que não vinham jogando tanto. Claro que entramos querendo a vitória, mas esse ponto foi muito positivo para o nosso time”, disse o líbero Kachel.

Nas quartas de final, o Sada/Cruzeiro encara o Montes Claros, com o primeiro jogo no próximo sábado, às 10h30min, no ginásio do Riacho. O segundo duelo será no dia 14, às 12h30min, no Tancredo Neves e se necessário um terceiro jogo ocorrerá no dia 16, às 18h30min, novamente em Contagem. 

Já o Sesi-SP fará o primeiro jogo contra o Ziober/Maringá no próximo sábado, às 21h30min, no ginásio da Vila Leopoldina. Já o segundo confronto ocorre no dia 14, também às 21h30min, no ginásio Chico Neto. Caso seja necessário um terceiro duelo será realizado no dia 16, às 18h30min, na capital paulista.

Equipes:

Sada/Cruzeiro: Fernando, PV, Eder Levi Douglas, Kadu, Winters e Kachel (líbero)
Técnico: Marcelo Mendez

Sesi-SP: Marcelinho, Mão, Lucão, Riad, Maurício, Lucarelli e Serginho (líbero)
entraram: Thiaguinho, Theo e Murilo
Técnico: Marcos Pacheco

foto: Renato Araújo / Divulgação Sada Cruzeiro

Nenhum comentário:

Postar um comentário