terça-feira, 10 de fevereiro de 2015

(Superliga) Funvic/Taubaté supera Ziober/Maringá e segue em segundo lugar

No último jogo da 9ª rodada do returno da Superliga 2014/2015, a Funvic/Taubaté venceu o Ziober/Maringá por 3 sets a 0, parciais de 25/22, 25/21 e 27/25, no ginásio Abaeté. Com o resultado, a equipe paulista segue na segunda colocação, com 43 pontos, enquanto o time paranaense parou nos 28 pontos e permanece no sexto lugar.

O Ziober/Maringá começou pontuando mais e, no bloqueio, o time fez 3 a 1. Contando com erros da Funvic/Taubaté, a equipe paranaense ainda fez 6 a 3. No ace de Lorena, o time da casa chegou ao empate em 8 a 8 e Horario Dileo pediu tempo. No erro do Maringá, o Taubaté assumiu o comando do marcador (12 a 11). Neste momento, em boa passagem do levantador Raphael pelo saque, a Funvic/Taubaté chegou a 14 a 11 e o técnico adversário parou o jogo novamente. O time paulista manteve o bom ritmo e, no bloqueio individual de Lorena, fez 16 a 11. A vantagem se manteve com a Funvic/Taubaté (19 a 15). O Ziober reduziu a diferença para 20/18 e Cézar Douglas pediu tempo. A reta final do set foi equilibrada (23 a 22), mas com dois bloqueios seguidos, de Maurício e Sidão, o Taubaté/Funvic fechou em 25 a 22.

E foi também bem no bloqueio que o time da casa começou melhor e fez 3 a 1. No erro de combinação de jogada do adversário, o Ziober/Maringá chegou ao empate em 5 a 5. Com bom saque de Bomba, o time visitante assumiu o comando do placar em 7 a 6. O Ziober colocou dois de vantagem no ponto de bloqueio do central Mudo: 10 a 8. A Funvic/Taubaté buscou, colocou dois de diferença em 16 a 14, mas o jogo voltou a ficar igual em 16 pontos. O time da casa voltou a estar na frente e, depois do ace de Rapha, com o placar em 19 a 17, Horacio Dileo pediu tempo. No bloqueio de Lorena, o Taubaté fez 23 a 19. No final, vitória do time da casa por 25 a 21.

A primeira bola do terceiro set foi bastante disputada e, no final do lance, com Lorena, a Funvic/Taubaté pontuou e abriu a parcial. O jogo se manteve equilibrado, com um ponto de vantagem para o Ziober Maringá em 7 a 6. A equipe paranaense abriu três de vantagem em 10 a 7. Explorando o bloqueio adversário, o time visitante manteve a diferença em 15 a 12. Com o ponteiro Thiago Sens, que havia acabado de entrar, o Taubaté/Funvic diminuiu a vantagem adversária para 17 a 15 e Horacio Dileo parou o jogo. Com Dante, o time da casa encostou em 19 a 18. Já na reta final, o set ficou igual: 20 a 20. O Taubaté fez 22 a 20 e o Maringá voltou a empatar (22 a 22). O jogo seguiu equilibrado no momento decisivo. No ace de Rivaldo, 24 a 23 para o Ziober. Lorena respondeu e 24 a 24. Sidão bloqueou e o Taubaté fez 25 a 24. Depois de muita disputa, o Taubaté/Funvic fechou em 27 a 25.

“O mais importante é o time, que está de parabéns. Na dificuldade, esse grupo cresce muito, então esse troféu é de todos e não apenas meu. Nos ajudamos muito e, depois da derrota no último jogo, hoje precisávamos ganhar e conseguimos. Vencer em casa é muito bom e a nossa torcida esta de parabéns. Eles transformam isso aqui em um caldeirão e só temos a agradecer”, destacou o oposto Lorena. 

“Depois da Copa Brasil, senti um pouco de dor no ombro e foi uma opção da comissão técnica me poupar. Mas, já estou melhor e feliz pelo jogo que fizemos hoje. Jogamos bem e a volta do Lipe dá um poder de ataque muito bom para o nosso time”, comentou o central Sidão.

“Foi um bom jogo, com chances de vitória, mas a equipe que erra menos, leva a melhor. O Taubaté conseguiu minimizar mais os erros, forçar o saque e quebra de recepção. Um ou duas bolas erradas no momento decisivo é decisivo para a partida. No contexto geral um jogo bem jogado tático e tecnicamente, e conseguimos demonstrar que podemos jogar e chegar aos playoffs, o que a gente almeja tanto”, disse o oposto Rivaldo.

Agora, o Taubaté/Funvic direciona o foco no Campeonato Sul-Americano de Clubes, que disputa na próxima semana, de 11 a 15 de fevereiro, em San Juan, na Argentina. Na volta a Superliga, a equipe do Vale do Paraíba terá o São Bernardo como adversário no dia 21 de fevereiro, às 17h, no ginásio Adib Moyses Dib. No mesmo dia, às 18h30min, o Ziober/Maringá enfrentará a UFJF, no ginásio Chico Neto.

Equipes:

Funvic/Taubaté: Raphael, Lorena, Sidão, Maurício, Lipe, Dante e Felipe (líbero)
entraram: Thiago Sens, Pedro e Rodrigo
Técnico: Cézar Douglas

Ziober/Maringá: Ricardinho, Rivaldo, Mudo, Bomba, Diogo, Renato e Tiago Brendle (líbero)
entraram: Luan, Thiago Gelinski e Piá
Técnico: Horacio Dileo

foto: Jonas Barbetta/ Tuddo Comunicação

Nenhum comentário:

Postar um comentário