domingo, 15 de fevereiro de 2015

(Sul-Americano) Funvic/Taubaté perde para UPCN e fica fora da decisão

Pelas semifinais do Campeonato Sul-Americano de Clubes, a Funvic/Taubaté perdeu para os anfitriões da UPCN Volley por 3 sets a 2, parciais de 13/25, 29/27, 25/23, 22/25 e 15/10. Com isso, o time do Vale do Paraiba, que acabou perdendo a chance de disputar o Mundial de Clubes, vai disputar o 3º lugar contra o Lomas de Zamora, também da Argentina, neste domingo.

A partida começou com a Funvic/Taubaté impondo seu jogo e fazendo 13 a 25, o que apontava para um jogo teoricamente fácil para os brasileiros. Entretanto, no segundo set, a UPCN cresceu em quadra e conseguiu a vitória nos detalhes por 29 a 27. Com tudo igual no placar, a terceira parcial não poderia deixar de ser equilibrada e, mais uma vez, foram os argentinos que levaram a melhor: 25 a 23. No quarto set, o clima era tenso, com o torcedor empurrando os donos da casa, mas no final, vitória dos comandados de Cezar Douglas por 22 a 25. No tie-break, os anfitriões logo abriram três pontos de vantagem, com destaque para o búlgaro Nikolay Uchikov, e essa diferença se manteve durante todo o período, sendo que no final a vitória foi de 15 a 10.

“Ter perdido o segundo set quando ganhávamos de 24 a 23 nos afetou. A partir deste momento perdemos a concentração na recepção e no ataque. Foi uma partida com muitos altos e baixos para a gente e o UPCN foi mais consistente”, declarou o técnico Cezar Douglas.

“Estávamos muito confiantes desde o primeiro dia. Trabalhamos muito duro todos os dias porque o objetivo era esta no Mundial. Agora vamos desfrutar a final”, disse o ponteiro Javier Filardi.

Na decisão, a UPCN Voley, que foi campeã sul-americana em 2013, encara o Sada/Cruzeiro, que foi campeão em 2012 e 2014, justamente sobre os argentinos. Como o clube mineiro já está garantido no Mundial por ser sede, o time de San Juan já está na competição ao ter vencido a semifinal contra a Funvic/Taubaté.

foto: Divulgação/ UPCN Voley Club

Nenhum comentário:

Postar um comentário