(Mundial) Brasil e Polônia fazem a grande final em Katowice

Neste domingo, às 15h25min (horário de Brasília), com transmissão do Sportv, a Seleção Brasileira encara a Polônia, na Spodek Arena, em Katowice, na busca pelo tetracampeonato mundial. As duas equipes chegam a decisão com campanhas bem parecidas, sendo que perderam apenas uma partida até aqui na competição. Os dois times já se enfrentaram e os donos da casa venceram por 3 sets a 2, na cidade de Lodz, pela terceira fase, porém em 2006, o time verde e amarelo levou a melhor na final do Campeonato Mundial.

Este vai ser o duelo entre o líder do ranking mundial, Brasil, contra o quinto colocado nesta mesma lista, Polônia. A seleção verde e amarela busca o quarto título consecutivo depois de ser campeão em 2002, 2006 e 2010, enquanto o time da casa tentará o bicampeonato, após sair vencedor em 1974. A expectativa é que mais de 10 mil pessoas estejam nas arquibancas neste domingo.

“Sabemos que o ginásio vai estar uma loucura. A Polônia é um grande time, joga em casa, tem essa força, mas também tem essa grande expectativa sobre eles. Com certeza, vai ser uma batalha até o último ponto. Já enfrentamos a equipe deles e temos muita coisa para tirar daquele jogo, como as nossas falhas, nossas limitações e a falta de continuidade em alguns momentos. Tivemos altos e baixos naquele dia. Oscilamos muito. E, obviamente, a ausência do Murilo gerou um certo desequilíbrio a estrutura que foi montada durante a temporada”, disse o técnico Bernardinho.

“Pretendemos continuar uma história que começaram a escrever lá atrás, e colocar o nome do Brasil na história do esporte coletivo através de um tetracampeonato mundial consecutivo. Sonhamos isso desde abril, quando nos encontramos em Saquarema, e somos motivados a todos o nosso sacrifício, a nossa luta e isso cria algo muito bom entre nós. Queremos muito esse título amanhã”, garantiu o levantador Bruninho.

Antes da grande final, França e Alemanha se enfrentam às 11h, também na Spodek Arena, em Katowice, pela disputa do 3º lugar. Vale lembrar que a Rússia (atual campeã olímpica) terminou o Campeonato Mundial na 5ª colocação após vencer o Irã por 3 sets a 0, parciais de 19/25, 21/25 e 18/25.

foto: FIVB/Divulgação

Comentários