(Mineiro) Montes Claros e UFJF buscam a primeira vitória

Neste domingo, às 10h, o Montes Claros recebe a UFJF, no ginásio Tancredo Neves, por mais uma rodada do Campeonato Mineiro. As duas equipes ainda não sabem o que é vencer na competição, sendo que o Pequi Atômico perdeu dois jogos, enquanto o time de Juiz de Fora já carrega quatro resultados negativos. A expectativa é de boa presença de público, ainda mais com o ingresso no valor de R$ 2,00 e mais 1kg de alimento não perecível.

O Montes Claros, que perdeu para Sada/Cruzeiro, em Contagem, e para o Minas Tênis Clube, em casa, a partida deste domingo é considerada crucial para as pretensões da equipe nesta fase classificatória. O técnico Carlos Schwanke recebeu dois reforços durante a semana (o levantador Índio e o central Pedrão), mas o importante foi o tempo para poder trabalhar e entrosar a equipe e a possibilidade de contar com o central Acácio e ponteiro argentino Cristian Poglagen, que estão 100% fisicamente.

“É um jogo importante porque precisamos vencer para evitar um cruzamento com o Sada/Cruzeiro, e a UFJF pensa da mesma forma, então a vitória nesta partida é fundamental. Todo grupo está focado. Fizemos um pacto após a derrota para o Minas Tênis Clube e treinamos forte para isso”, afirmou o técnico do Pequi Atômico, em entrevista ao globoesporte.com.

Restando apenas dois jogos (ambos contra Montes Claros) para a UFJF nesta fase do Estadual, o técnico Chiquita quer a vitória para tirar a pressão das costas do elenco que não conseguiu superar Minas Tênis Clube e Sada/Cruzeiro. As constantes lesões andaram atrapalhando a formação do time de Juiz de Fora, porém o momento é de deixar os problemas de lado e garantir os primeiros pontos.

“A grande disputa do campeonato agora é que todo mundo quer fugir do Sada/Cruzeiro na semifinal. Ficar em segundo ou terceiro, aumenta a probabilidade de brigar por uma vaga na final. Nós já passamos a primeira chance. Nós temos que buscar nossa vida”, disse o coordenador técnico Maurício Bara, em entrevista ao globoesporte.com.

foto: Fredson Souza/MCV

Comentários