(Mineiro) Sada/Cruzeiro derrota UFJF e continua com 100%

Depois de estrear com vitória sobre Montes Claros no Campeonato Mineiro, o Sada/Cruzeiro derrotou a UFJF por 3 sets a 1, parciais de 25/20, 25/21, 20/25 e 25/14, no ginásio da faculdade de educação física, em Juiz de Fora. Com o resultado, o time celeste segue invicto e com 100% de aproveitamento, ou seja, seis pontos em dois jogos. Já o time da Zona da Mata não somou pontos em seu primeiro desafio na competição.

A UFJF abriu o placar com o central Ialisson e após muito equilíbrio, o Sada/Cruzeiro chegou ao primeiro tempo técnico na frente: 8 a 6. Um rali, que acabou em ponto do oposto Bérgamo, levantou a torcida que viu os donos da casa encostarem em 11 a 10. Entretanto, os atuais campeões da Superliga não se abalaram e comandados pelo levantador William alcançaram o segundo tempo técnico com 16 a 11. No final, o time celeste administrou a vantagem e fechou o primeiro set em 25 a 20.

O segundo set começou com muitos saques errados dos dois lados. Um ace de Rodrigo empatou o placar em 7 a 7 e, em seguida, outro bom saque do levantador ajudou a UFJF a estar na frente no primeiro tempo técnico: 8 a 7. O Sada/Cruzeiro, que tinha o ponteiro Leal, se recuperou e chegou ao segundo tempo técnico com seis pontos na frente: 16 a 10. Os donos da casa chegaram a esboçar uma reação, com dois bloqueios seguidos de Victor Hugo, porém os visitantes mantiveram a calma para fechar em 25 a 21.

O terceiro set foi o mais disputado. Dois bloqueios seguidos de Ialisson colocaram o time de Juiz de Fora na frente logo no início: 4 a 3, mas a primeira parada técnica que esteve na frente foi o Sada/Cruzeiro: 8 a 6. Outro bloqueio de Ialisson empatou o jogo em 8 a 8, e a UFJF virou o placar após erro de Leal. O Sada/Cruzeiro errava demais, o que fez os donos da casa abrirem 16 a 12. Embalados pelo torcedor e com aces de Rodrigo e Bérgamo, a equipe da Zona da Mata foi mantendo a vantagem e fez 25 a 20.

Quando se esperava uma UFJF jogando de igual para igual no quarto set, o que se viu foi um time completamente desencontrado em quadra e perdendo chegando a primeira parada técnica perdendo por 8 a 2. O Sada/Cruzeiro não vacilou e foi mostrando todo seu poderio ofensivo, chegando a fazer 16 a 6 no segundo tempo obrigatório. Sem condições de reagir, o time de Juiz de Fora ainda errava demais, o que fez o time celeste fechar em 25 a 14.

“Foi a segunda partida que fizemos. Ainda vai levar um tempo para ganharmos mais ritmo de jogo, mas foi muito bom pela vitória, com esse resultado fora de casa. Agora temos que descansar no restante do fim de semana, pois na terça-feira já temos outro jogo. Está tudo meio corrido, mas esse torneio que vamos disputar nos Estados Unidos também vai ajudar bastante o time a ganhar mais entrosamento para as próximas competições, como a Superliga”, disse o ponteiro Leal.

“Dentro do que a gente trabalhou, o ataque foi bem, assim como a base de passe. No início do quarto set tivemos dificuldade principalmente pelo bom saque do William. O fundamento que não pode falhar é o saque, como falhou. Mas é o primeiro jogo, ainda existe ansiedade e o time está em adaptação. Mas gostei muito da característica individual dos jogadores e da parte tática, que fluiu bem” declarou o técnico Chiquita.

Na próxima terça-feira, às 19h30min, o Sada/Cruzeiro encara o Minas Tênis Clube, na cidade de Mariana. Já na terça-feira, dia 5, às 20h, a UFJF volta a enfrentar o Sada/Cruzeiro, mas desta vez no ginásio do Riacho, em Contagem

Equipes:

Sada/Cruzeiro: William, PV, Leal, Kadu, Douglas Cordeiro, Isac e Serginho (líbero)
entraram: Kachel, Lucas Salim, Gabriel e Filipe
Técnico: Marcelo Mendez.

UFJF
: Rodrigo, Bérgamo, Batagim, Manius, Ialisson, Victor Hugo e Tatinho (líbero)
entraram: José Ilídio, Xuxa, Tarcísio e Fábio Paes
Técnico: Chiquita

foto: UFJF/Divulgação

Comentários