Voleisul tem reforços dentro e fora de quadra para a temporada

Depois da apresentação oficial do elenco e da comissão técnica, o Voleisul/Paquetá Esportes segue mostrando algumas novidades para a temporada 2014/2015. Em quadra, o destaque fica por conta da chegada do central Silvio Satiro, que disputou a Superliga passada pelo RJ Vôlei. Já fora dela, a atenção se volta ao programa utilizado pelo estatístico Max Alberti, que monitora os jogadores.

O central Silvio Satiro chega ao Voleisul/Paquetá Esportes com a experiência de quem já atuou fora do país, no caso Portugal, Suíça e Espanha, além de conhecer o voleibol gaúcho por ter atuado duas temporadas no Bento Vôlei. Ele terá a concorrência na posição dos também experientes Aureliano e Fernandão, além do jovem Rafael Franco.

“Na temporada passada, a equipe fez uma ótima campanha e conquistou o vice-campeonato da Superliga B. O desafio de continuar esta caminhada e buscar vaga na Superliga A é grande (...) O time se forma no dia a dia dos treinamentos, é quando podemos dar um toque para os mais novos”, observou Silvio Satiro.

Quanto a nova tecnologia utilizada pelo Voleisul/Paquetá Esportes, trata-se do programa Data Vôlei e Data Video, que ajudam na observação dos atletas da equipe e dos adversários em tempo real. Max Alberti, que teve a oportunidade de aprender mais sobre o software com o estatístico da seleção argentina, Genaro Lopez, será o responsável por traduzir esses dados para o técnico Paulo Roese. 

“É um dos melhores programas do mundo, que consegue avaliar cada ação de até sete maneiras diferentes (...) Eu só irei operar os códigos do programa. Todas as informações serão passadas ao treinador e ele que decidirá quais serão uteis ao time”, declarou Max Alberti, em entrevista ao jornal NH. 

foto: Voleisul/Divulgação

Comentários