(Liga Mundial) Sofrendo com o bloqueio italiano, Brasil perde novamente

A Seleção Brasileira voltou à quadra neste sábado, dia seguinte da estreia na Liga Mundial 2014, e não conseguiu o resultado desejado. A equipe verde e amarela foi superada pela Itália por 3 sets a 1, parciais de 17/25, 26/24, 23/25 e 20/25, na Arena Jaraguá, em Santa Catarina. Na primeira partida, os italianos venceram pelo mesmo placar. O oposto Zaytsev foi o maior pontuador, com 23 acertos, sendo também o destaque do confronto.

Lucarelli abriu o placar do jogo a favor do Brasil. A Itália devolveu e ainda abriu 5 a 1. Neste momento, Bernardinho pediu tempo. A equipe verde e amarela não conseguia render bem no ataque e o time visitante chegou a fazer 10 a 1. A seleção brasileira buscou e reduziu a vantagem adversária para 15 a 8. Mas os italianos seguiram com superioridade e, com ataques potentes, fizeram 20 a 12. No final, melhor para a Itália, que venceu por 25 a 17.

O Brasil começou com nova formação, com o levantador Raphael, o oposto Theo e o ponteiro Maurício Borges, e fez 3 a 1 logo no início do segundo set. Só que a Itália mais uma vez buscou e assumiu o comando do placar em 5 a 4. Mas a equipe da casa reagiu e, no bloqueio de Sidão, fez 9 a 8. As equipes passaram a alternar a liderança do marcador. No ataque de Lucarelli, o Brasil chegou ao empate em 14 a 14. O equilíbrio permaneceu e as seleções empataram em 20 a 20. No ponto de saque de Maurício Borges, a seleção brasileira fez 22 a 21. Embalado e bem em quadra, o Brasil fez 24 a 22, mas a Itália chegou ao empate em 24 pontos. No bloqueio de Sidão, a equipe brasileira parou o ataque do italiano Zaytsev e fez 25 a 24. E foi também com bloqueio que o Brasil fechou em 26 a 24.

O terceiro set começou com o mesmo equilíbrio (3 a 3). A Itália fez 6 a 4 e, depois, 8 a 6.Com potente ataque de Maurício Borges, o Brasil encostou em 10 a 9. E foi no ace do ponteiro que a equipe da casa chegou ao empate (11 a 11). Mas a seleção da Itália reagiu e com bons saques forçou o jogo contra o Brasil, abrindo três de vantagem: 18 a 15. A equipe verde e amarela encostou e com Lucarelli pelo meio fundo empatou em 19 a 19. Com mais um ace de Maurício Borges, o Brasil assumiu o comando do placar, mas os italianos reagiram e fecharam em 25 a 23.

Em vantagem no jogo, os italianos entraram com ritmo forte no quarto set e saíram na frente. O Brasil empatou em 5 a 5 e, no ataque para fora do adversário, passou a frente no placar. A disputa seguiu acirrada (12 a 12). A Itália, então, passou a dominar a parcial e abriu dois de vantagem em 18 a 16. Com bom ritmo e contando com alguns erros do Brasil, a seleção italiana venceu por 25 a 20.

“Ainda estamos abaixo do que podemos. Tivemos chances no terceiro set, que foi igual, mas nós não conseguimos fechar. Eles estão tranquilos por já estarem classificados e jogaram soltos no saque. Nós não conseguimos dar esse volume no saque e faltou um pouco de pressão para gerar insegurança no time deles. Vamos trabalhar ainda mais para que esses resultados não se repitam”, declarou o técnico Bernardinho.

“Claro que não era o que esperávamos, mas sabemos que a equipe ainda tem muito a crescer. Está só no começo e não dá para desanimar com as derrotas. Temos que trabalhar ainda mais porque o campeonato é longo. A torcida compareceu, apoiou bastante, mas infelizmente não conseguimos dar o resultado que eles esperavam. Eu entrei bem, dei um pouco mais de ânimo ao grupo, mas ainda cometi alguns erros que não podem acontecer. Vou continuar treinando forte para evoluir cada vez mais”, disse o oposto Theo.

Agora, a Seleção Brasileira terá a Polônia como adversária na segunda etapa da competição. Os jogos serão nos dias 29 e 30 de maio, no ginásio Chico Neto, na cidade de Maringá, no Paraná. 

Equipes:

Brasil: Bruninho, Vissotto, Lucão, Sidão, Lucarelli, Murilo e Mário Jr. (líbero)
entraram: Felipe, Theo, Rapha, Maurício Borges e Gustavão
Técnico: Bernardinho

Itália: Travica, Zeytsev, Birarelli, Piano, Kovar, Parodi e Rossini (líbero)
entrou: Buti
Técnico: Mauro Berruto

foto: Alexandre Arruda/CBV

Comentários

  1. Pra mim essa liga vai ser um fiasco, Bernadinho ja estar velho tem que renovar e tecnico jogadores.

    ResponderExcluir

Postar um comentário