Vivo/Minas perde Ricardo Picinin e pode ficar sem Marcelinho

Através de uma nota oficial, o Minas Tênis Clube anunciou que Ricardo Picinin não segue no comando da equipe para a temporada 2014/2015. O treinador, que assumiu no lugar de Horacio Dileo em meio a Superliga passada, acertou sua ida para o time feminino do Banana Boat/Praia Clube. Em meio a especulações sobre uma possível saída do patrocinador máster, no caso a Vivo (empresa de telecomunicações), a diretoria da equipe de Belo Horizonte garante a busca por um novo treinador

Nos bastidores se fala que a Vivo estaria deixando de patrocinar o Minas Tênis Clube, assim como fez com o basquete masculino de Franca. Entretanto, nenhuma das partes confirma o fim da parceria, sendo que até existe uma discussão sobre o orçamento da próxima temporada, onde outras cotas de patrocínio entrariam no projeto.

Enquanto nada fica definido, a saída de jogadores importantes pode acabar se confirmando. Depois do ponteiro Rapha, que foi para o voleibol do Qatar, o levantador Marcelinho pode deixar o Vivo/Minas com destino ao Sesi-SP, que gostaria de ver ele novamente ao lado de Lucarelli. Já o central Henrique espera uma definição, pois é muito identificado com o clube, porém teria proposta da Funvic/Taubaté.

foto: Alexandre Arruda/CBV

Comentários