(Superliga) Sada/Cruzeiro e Vivo/Minas duelam neste sábado em BH

Neste sábado, às 10h, o duelo mineiro entre Vivo/Minas e Sada/Cruzeiro, válido pela semifinal da Superliga 2013/2014 promete movimentar a Arena, em Belo Horizonte e quem gosta de voleibol. A equipe celeste venceu a primeira partida, no seu ginásio, por 3 sets a 0, e se classifica para a decisão com nova vitória. Já o time da capital precisa vencer para forçar um terceiro duelo, novamente em Contagem. O jogo terá transmissão da TV Globo.

Depois de admitir que a equipe não foi bem no ginásio do Riacho, o Vivo/Minas tenta fazer valer o fator local para se recuperar na serie. Todos os jogadores e o técnico Ricardo Picinin tiveram a semana para trabalhar fundamentos e também o lado psicológico, já que a atuação anterior foi bem abaixo do esperado. O momento agora é de pensar na partida em casa e fazer o possível para sacar bem e ter bom desempenho no bloqueio. 

“O grupo está muito unido para esse próximo jogo da semifinal e temos certeza que vai ser uma partida muito disputada. No primeiro encontro, cometemos muito erros e isso não pode se repetir amanhã (...) Nós já havíamos estudado muito o adversário e dessa vez nos dedicamos ainda mais. Sabemos que, em primeiro lugar, o nosso saque tem que entrar. A defesa também tem que funcionar, fazer a bola subir e o bloqueio ajudar ainda mais”, afirmou o ponteiro Maurício Borges.

“Entramos ansiosos no primeiro jogo. Isso tirou todo o foco da equipe, que acabou derrotada. Essa semana estamos com foco exclusivo no trabalho, até para evitar essa ansiedade. Temos que entrar mais soltos em quadra para os obtermos o resultado positivo”, comentou o treinador Ricardo Picinin.

Pelo lado do Sada/Cruzeiro, a ansiedade precisa ser contida, porém uma equipe acostumada a decisões tem o discurso na ponta da língua. A possibilidade de chegar a uma final de Superliga pela quarta vez consecutiva gera uma expectativa grande, mas todos garantem que o time está preparado e pensando em fazer uma boa apresentação mesmo sabendo da força do adversário.

“Estamos prontos para um jogo difícil e sabemos que vai ser assim. Jogar na casa deles é sempre muito complicado. No primeiro confronto, jogamos bem, tivemos uma boa estratégia e temos que repetir isso agora, nessa segunda partida (...) Com certeza, aquele jogo não vai se repetir. O time deles, certamente, trabalhou pesado para jogar melhor e temos que estar muito atentos para não sermos surpreendidos”, comentou o ponteiro Filipe.

“O Minas é um time que joga bem com o passe na mão, então temos que ter um bom saque. Acho que vai ser uma partida equilibrada. São duas equipes muito experientes, com campeões dos dois lados e que vão dar o seu máximo em quadra. Vai ser um jogo muito difícil e definido nos detalhes”, declarou o técnico Marcelo Mendez.

Equipes:

Sada/Cruzeiro: William, Wallace, Isac, Éder, Filipe, Leal e Serginho (líbero)
Técnico: Marcelo Mendez

Vivo/Minas: Marcelinho, Filip, Otávio, Henrique, Maurício, Lucas Loh e Lukinhas (líbero)
Técnico: Ricardo Picinin

foto: Alexandre Arruda/CBV

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saída de Leal para o Civitanova faz Sada/Cruzeiro aquecer mercado internacional

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações