(Superliga) Depois de título inédito, Sada/Cruzeiro encara Montes Claros

Depois de conquistar o troféu inédito da Copa Brasil e garantir vaga no Sul-Americano, o Sada/Cruzeiro recebe o Montes Claros, nesta quinta-feira, às 19h30min, no ginásio Tancredo Neves, pela 1ª rodada do returno da Superliga 2013/2014. Atualmente, o time celeste está na vice-liderança, com 40 pontos, enquanto o Pequi Atômico aparece no lugar, com 15 pontos ganhos.

A conquista da Copa Brasil foi bastante comemorada pelos jogadores do Sada/Cruzeiro que estão em estado de graça. O técnico Marcelo Mendez tem nas mãos um time bem entrosado e um elenco capaz de dar várias opções de jogo. O oposto Wallace e o ponteiro Leal continuam sendo referências no ataque, enquanto o central Eder e o levantador William andam despontando em suas posições.

“Não há muito tempo para comemorações. Temos muitos compromissos pela Superliga e nos próximos dias já concentramos nossa preparação também para o Sul-Americano”, afirmou o técnico Marcelo Mendez.

“Se a gente relaxar com qualquer equipe fica complicado. O time de Montes Claros passou por um momento complicado, com a saída de jogadores, mas eles têm um plantel qualificado, com atletas que querem buscar seu espaço e mostrar seu talento. A torcida de lá sempre foi muito presente, e hoje também tenta apoiar o time, retomar essa alegria. Nosso cuidado tem que ser redobrado. Nosso objetivo é seguir nessa disputa com o Sesi-SP pela liderança, não podemos deixar eles escaparem. Cada jogo tem que ser jogado da melhor forma, pra gente atingir nossa meta. Temos que jogar bem para buscar mais uma vitória”, disse o ponteiro Filipe.

O Montes Claros, que não esteve na disputa da Copa Brasil, vem de vitória na última rodada sobre a UFJF. Independente de enfrentar o atual campeão mundial, o objetivo do técnico Nery Júnior é de fazer uma boa partida e para isso ele conta com o ponteiro Danilo, que teve descartada uma fratura na tíbia e poderá continuar na equipe.

“Nós jogamos juntos na segunda rodada e eles se saíram melhores. Mas, todo jogo é uma final. Quem quer vencer não pode pensar no último jogo como se o resultado fosse repetir (...) Todos os atletas tiveram que ajudar. Mesmo quem não trocou de posição precisou acompanhar melhor os companheiros improvisados”, afirmou o técnico Nery Júnior, que vem trabalhando com improvisações.

Equipes:

Montes Claros: Everaldo, Edinho, Danilo, Vivalde, Alberto, Petrus e Thiago Brendle (líbero)
Técnico: Nery Júnior

Sada/Cruzeiro: William, Wallace, Isac, Eder, Leal, Filipe e Serginho (líbero)
Técnico: Marcelo Mendez

foto: Ivam Amorin/CBV

Comentários