(Superliga) Voltaço joga muito e bate Brasil Kirin/Campinas

Na última partida válida pela 2ª rodada do returno da Superliga 2013/2014, o Volta Redonda venceu o Brasil Kirin/Campinas por 3 sets a 0, parciais de 24/22, 21/16 e 24/22, no ginásio da Ilha São João. Com o resultado, a equipe carioca assumiu a 10ª posição, com dez pontos, enquanto o time paulista segue no quarto lugar, com 26 pontos.

O primeiro set foi de altos e baixos para ambos os times. Mesmo assim, os donos da casa disparam e abriram vantagem depois da primeira parada técnica (13 a 10). As entradas de Bérgamo e Rodriguinho, no entanto, mudaram a cara do jogo e o Brasil Kirin tomou a frente no placar. No final, o Volta Redonda aproveitando alguns erros do time paulista e bem no bloqueio fechou em 24 a 22.

No segundo set, o Volta Redonda entrou bastante motivado após a conquista do anterior. Os ponteiros Canuto e Cueva estavam bem no ataque e tanto o bloqueio quanto o saque estavam entrando. O Brasil Kirin/Campinas até tentou uma reação, mas não foi o suficiente e acabou derrotado por 21 a 16.

No terceiro set, a partida voltou a ficar equilibrada. Com a entrada do oposto Bérgamo, que marcou dez pontos só nesta parcial, os campineiros voltaram para o jogo e mostraram que poderiam reagir. O Brasil Kirin chegou a abrir vantagem em momento importante com ace de Paulo Renan (20 a 17), porém o Volta Redonda teve sangue frio e com dois bloqueios de Brunão e a boa participação do ponteiro Bruno Canuto virou para 24 a 22.

“Nosso desempenho no ataque já tinha sido bom diante do Canoas, na rodada anterior, mas oscilamos nos demais fundamentos. Hoje, além do ataque, nosso sistema defensivo e bloqueio funcionaram muito bem e isso foi determinante para o resultado. Somamos quatro pontos em dois jogos, contra grandes equipes, avançamos uma posição na tabela e estamos a quatro pontos do oitavo colocado. Será com essa garra que buscaremos uma vaga nos playoffs e, para isso, dependemos somente de nós mesmos”, disse o treinador Alessandro Fadul.

“A gente vinha de bons jogos, mas jogando bem e perdendo. Agora conseguimos a vitória (...) É claro que tem as equipes que estão merecidamente na ponta, mas acho que a equipe que entrar melhor concentrada, independente do favoritismo que tem acaba saindo vencedora nos jogos”, observou o oposto Ricardo.

O Volta Redonda retorna as quadras no dia 7 de janeiro, às 18h30min, para enfrentar o Vivo/Minas, na Arena, em Belo Horizonte. No mesmo dia, às 21h30min, o Brasil Kirin/Campinas pega o Kappesberg/Canoas, no ginásio do Taquaral.

Equipes

Volta Redonda: Ricardo, Canuto, Brunão, Cueva, Jonatas, Maurício e Daniel (líbero).
entraram: Leozão, Renato e Fidele.
técnico: Alessandro Fadul

Brasil Kirin/Campinas: Diogo, Gustavão, Rivaldo, Vini, Mineiro, Paulo Renan e Alan (líbero).
entraram: Bergamo, Rodriguinho e Tavares.
técnico: Alexandre Rivetti

foto: Blog de Esportes

Comentários