Kappesberg/Canoas renova com referências da equipe e quer realizar torneio

Nesta semana, a diretoria do Kappesberg/Canoas confirmou a permanência de dois importantes jogadores para a temporada 2013/2014. O líbero Jeffe e o ponteiro Roberto Minuzzi estão com o técnico Paulão desde o início do projeto, tendo sido fundamentais para a conquista da Superliga B e para a boa campanha na estreia da elite nacional. 

“Eles estão inseridos neste projeto desde o início e só tivemos motivos para comemorar até agora. É muito importante poder assegurar desde já a continuidade do Jeffe e do Minuzzi, atletas que, por tudo que já conquistaram, têm uma grande representatividade dentro do voleibol gaúcho”, avaliou o comandante Paulão.

“Foram quatro anos lutando para manter um time gaúcho na elite. Depois de todos os problemas, dos ‘nãos’ recebidos, é muito gratificante ouvir dos nossos parceiros que valeu investir na nossa equipe. Agora é a hora de colher os frutos de tudo que plantamos. A temporada passada já foi muito boa e tenho certeza que, melhor preparados e tranquilos no que se refere às questões fora de quadra, a que vem por aí tem tudo para ser melhor ainda”, afirmou Roberto Minuzzi.

A reapresentação do elenco deve ocorrer no início de julho, mas a diretoria do Kappesberg/Canoas espera fechar o quanto antes o elenco. Os ponteiros Dentinho e Enoch já estariam em negociações adiantadas para continuar, enquanto o central Gustavo, que anda bastante envolvido com as questões fora da quadra junto a CBV, ainda não se decidiu se para ou não de jogar. No quesito comissão técnica, o preparador físico Giovane Foppa, que mostrou um grande trabalho na última Superliga, com o time gaúcho sofrendo poucas lesões, deve continuar no clube. Já o auxiliar-técnico Marcelo Ramos acabou indo para o Nóia Vôlei, que hoje disputa a Supercopa Banco do Brasil e pode participar da Liga Nacional a partir de julho.

Ainda fora de quadra, com terá apenas o Campeonato Gaúcho para disputar antes da Superliga 2013/2014, o Kappesberg/Canoas deve realizar um torneio amistoso, no ginásio da Unilasalle. O objetivo é dar ritmo de jogo aos atletas e também se preparar melhor para as competições oficiais da temporada.

“A logística toda está sendo montada de acordo com o que já sabemos sobre as competições que vamos disputar. As datas devem sofrer algumas mudanças em relação ao início da temporada passada, então já estamos nos precavendo e analisando os cenários. O Kappesberg/Canoas ainda tem a ideia de sediar um torneio em seu ginásio, semelhante aos moldes do Top Four, que ocorreu no interior do Rio Grande do Sul em 2012, e contou com a participação de times como RJX, Vivo/Minas e Bolivar, além da nossa presença”, explicou o diretor-executivo Almir Beltrame.

foto: Fernando Potrick/Kappesberg/Canoas

Comentários