(Superliga) Vivo/Minas ganha do RJX e força terceiro jogo na semifinal

Com a Arena, em Belo Horizonte, lotada, o Vivo/Minas venceu o RJX por 3 sets a 0, parciais de 25/21, 27/25 e 25/20, no segundo jogo da serie melhor de três da semifinal da Superliga 2012/2013. Com o resultado, os mineiros empataram o confronto em 1 a 1 e forçaram a realização de uma terceira e decisiva partida, na próxima sexta-feira, às 21h30min, no ginásio do Maracanãzinho. 

O Vivo/Minas começou bem a partida e fez 6 a 3. O RJX passou a sacar com eficiência e encostou no marcador (10 a 9). Os mineiros se recuperaram e foram para o segundo tempo técnico com três de vantagem (16 a 13). O final da primeira parcial foi equilibrada, mas os donos da casa seguiram melhor e fecharam por 25 a 21. 

O início do segundo set foi marcado pelo equilíbrio. O RJX tinha um ponto de vantagem no primeiro tempo técnico (8 a 7). Depois de uma grande largada do ponteiro argentino Quiroga, o Vivo/Minas abriu dois (14 a 12). O bloqueio do time carioca passou a funcionar e os visitantes deixaram tudo igual (17 a 17). E foi com um ponto de bloqueio do central Lucão que a equipe do Rio de Janeiro fez 21 a 18. Com muito volume de jogo, o time da casa empatou (21 a 21). O final da parcial foi disputado ponto a ponto, mas o clube mineiro foi melhor e venceu por 27 a 25. 

O Vivo/Minas seguiu melhor no início do terceiro set e fez 7 a 5. O saque mineiro dificultava a recepção do time carioca, aumentou a vantagem para quatro (10 a 6). A equipe de Belo Horizonte, com destaque para o ponteiro Lucarelli e o levantador Marcelinho manteve a vantagem em todo o período e venceu por 25/20. 

“Jogamos muito bem nesta noite. A torcida fez o seu papel e ajudou no resultado de hoje. Agora, vamos descansar, nos preparar para o próximo duelo e concentrar, pois será outra difícil decisão”, avaliou o treinador Horacio Dileo. 

“O time hoje foi muito bem. Ganhamos de uma equipe forte e que é a favorita ao título. Essa vitória mostra que também somos fortes e que temos chances de ganhar. Vamos continuar o trabalho e, no próximo jogo, precisamos ter a mesma determinação, pois podemos vencer lá e ir à final”, disse o ponteiro Lucarelli. 

“Fomos dominados pelos Vivo/Minas. A vitória deles foi merecida. Não conseguimos apresentar o nosso jogo e jogamos abaixo em todos os fundamentos. Agora temos que treinar para melhorarmos para o terceiro jogo”, analisou o técnico Marcelo Fronckowiak. 

Equipes:

Vivo/Minas: Marcelinho, Filip, Lucarelli, Quiroga, Henrique, Maurício e Lukinha (líbero)
entraram: Samuel e Evandro
Técnico: Horácio Dileo

RJX: Bruninho, Theo, Thiago Alves, Dante, Riad, Lucão e Mário Jr. (líbero)
entraram: Da Silva, Ualás, e Guilherme
Técnico: Marcelo Fronckowiak

foto: Gaspar Nobrega/inovafoto

Comentários