Em meio a especulações no mercado, diretoria tenta segurar projeto em Campinas

Após a saída da Medley, o supervisor da equipe, Fernando Castro Maroni, e o embaixador do time, Maurício Lima, iniciaram uma busca por patrocinadores que possam manter a equipe de alto rendimento em Campinas. Ainda é cedo para se afirmar algo, mas nos bastidores se fala que o projeto continuará, porém com um orçamento bem abaixo daquele apresentado na temporada 2012/2013. 

“O projeto, na verdade, vai continuar com o vôlei na cidade, com a categoria infanto-juvenil, que eu consegui com a Lei de Incentivo Fiscal. Agora vamos buscar uma parceria para o time adulto, o projeto continua, mas precisamos de um parceiro”, explicou Maurício Lima. 

Os jogadores foram informados da saída da Medley e logo foram liberados, isto é, podem fechar com qualquer outro clube. Com um elenco recheado de jogadores bem ranqueados na CBV é possível que muitos deixem Campinas, porém alguns acreditam no acerto com um novo patrocinador e na continuidade do projeto. O central e capitão André Heller, foi um dos primeiros a se manifestar, enquanto o ponteiro Renato falou em um momento de mobilização e trabalho. 

Nos bastidores já começam as especulações de alguns atletas que podem deixar Campinas. O levantador Murilo Radke estaria nos planos da Kappesberg/Canoas, enquanto o oposto Rivaldo e o líbero Alan teriam sido sondados pela nova equipe de Taubaté. Além disso, o central Gustavão, considerado um possível selecionado para a Liga Mundial, já teria propostas de vários clubes. 

foto: Medley/Campinas/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro