(Superliga) No ‘caldeirão’, Sada/Cruzeiro encara o Móveis Kappesberg/Canoas

Atual campeão, o Sada/Cruzeiro encara o Móveis Kappesberg/Canoas nesta quinta-feira, às 20h, no ginásio do Riacho, em Contagem, pela segunda rodada da Superliga 2012/2013. Esse será o reencontro oficial dos mineiros com sua torcida no ‘caldeirão’ após a conquista do vice-campeonato mundial, enquanto os gaúchos farão sua primeira partida longe de casa pela principal competição nacional.

Considerado um verdadeiro ‘caldeirão’, o ginásio do Riacho foi um grande aliado do Sada/Cruzeiro na conquista da Superliga 2011/2012. Embalados pela vitória sobre o Vivo/Minas na estreia, o time celeste entra em quadra com o que tem de melhor, com destaque para o ponteiro Leal (eleito o melhor da primeira rodada), além da dupla William e Wallace

“Na estreia contra o Vivo/Minas o desempenho do time foi um pouco daquilo que a gente esperava. A gente conseguiu sacar melhor e o time impôs o ritmo. Está todo mundo imbuído em melhorar e continuar no caminho das vitórias. É com esse pensamento que a gente entra em quadra. E reencontrar a torcida em Contagem vai ser muito legal”, destacou o central Acácio.

“É um time forte, rodado, que vai dar trabalho. Para enfrentar jogadores com tanta experiência é preciso muito mais concentração. Vencemos o primeiro jogo, o que foi muito importante, pois isso dá uma confiança a mais, mas não podemos ficar achando que o Canoas será mais fácil. Pelo contrário, a cada rodada a coisa fica mais e mais difícil”, disse o líbero Serginho.

Campeão da Superliga B, o Móveis Kappesberg/Canoas estrearam na elite com vitória sobre o Super Imperatriz, dentro de casa. O técnico Paulão sabe que não será tarefa fácil vencer em Minas Gerais, mas para sair com um bom resultado o jeito é fazer o saque encaixar para complicar o passe adversário. O ponteiro Bozkinho e o central Salsa mostraram potencial nesse fundamento e podem ser importantes na partida.

“Sabemos da dificuldade que iremos enfrentar, contra um adversário que atua no seu ginásio. Além disso, o Sada/Cruzeiro é uma grande equipe e, por isso, pode ser considerada favorita. O importante é fazermos o nosso jogo já no primeiro set, para dar mais tranquilidade no restante da partida”, avaliou o líbero Jeffe.

“A base campeã segue a mesma, assim como a comissão técnica. Isso faz diferença dentro de quadra, em um time de qualidade. Por outro lado, temos aqui vários jogadores que já lidaram com esse tipo de situação. Estamos preparados para surpreender", destacou o ponteiro Dentinho.

Equipes:

Sada/Cruzeiro: William, Wallace, Douglas Cordeiro, Acácio, Leal, Filipe e Serginho (líbero)
Técnico: Marcelo Mendez

Móveis Kappesberg/Canoas: Jotinha, Xanxa, Dentinho, Roberto Minuzzi, Gustavo, Salsa e Jeffe (líbero)
Técnico: Paulão

foto: Sada/Cruzeiro/divulgação

Comentários