(Paulista) Após 2h de jogo, Sesi-SP passa no tie-break pelo Vôlei Futuro

O Sesi-SP precisou de 2h04min para vencer o Vôlei Futuro, no ginásio da Vila Leopoldina, por 3 sets a 2, parciais de 25/19, 25/27, 25/18, 18/25 e 15/8. Com o resultado, a equipe do técnico Giovane Gávio chegou aos 16 pontos e continua na liderança do Campeonato Paulista. Já o time de Araçatuba caiu para a sexta posição, com oito pontos e hoje estaria fora da zona de classificação para as semifinais.

O jogo iniciou equilibrado, com o Vôlei Futuro chegando ao primeiro tempo técnico com 8 a 7. O Sesi-SP se recuperou e na segunda parada obrigatória tinha 16 a 14 no placar, sendo que a vantagem só aumentou com a vitória de 25 a 19. No segundo set, as duas equipes pareciam dispostas a vender caro cada ponto. Nos dois tempos técnicos, a vantagem era mínima e no final, com ataque de Michael, o time de Araçatuba fez 27 a 25.

O terceiro set começou com o Vôlei Futuro melhor em quadra, chegando a abrir quatro pontos de diferença: 12 a 8. Entretanto, os donos da casa tiveram no central Thiago Barth a sua recuperação e chegaram ao segundo tempo técnico com 16 a 15. No final, os visitantes não conseguiram segurar e perderam por 25 a 18. No quarto set, os comandados de Cezar Douglas cresceram e abriram 8 a 4 no primeiro tempo técnico e 16 a 9 no segundo, com destaque para o oposto Caio de Prá, que ajudou o time a fechar em 25 a 18.

O tie-break foi disputado ponto a ponto, até o Sesi-SP abrir 9 a 6. O Vôlei Futuro reagiu com saque de Michael, mas o central Eder apareceu para realizar dois aces seguidos e abrir 12 a 7. No final 15 a 8 e vitória dos donos da casa, que continuam invictos na competição.

No próximo sábado, às 17h, o Sesi-SP vai até o ginásio Taquaral encarar a Medley/Campinas, no duelo entre líder e vice. Já, no mesmo dia, às 18h, o Vôlei Futuro encara a Funvic/Midia Fone, no ginásio Plácido Rocha.

Equipes:

Sesi-SP: Sandro, Lorena, Tiago Barth, Ari, Eder, Mão e Lucianinho (líbero)
Técnico: Giovane Gávio

Vôlei Futuro: Ricardinho, Caio de Prá, Vini, Michael, Bruno Temponi, Rapha e Polaco (líbero)
Técnico: Cezar Douglas

foto: divulgação

Comentários