(Liga Nacional) São José dos Campos vence Aprov/Chapecó e fica com o título

Com uma vitória, de virada, sobre a Aprov/Chapecó por 3 sets a 1, parciais de 22/25, 25/17, 25/23 e 25/20, São José dos Campos conquistou o título de campeão da Liga Nacional 2012. Mesmo jogando contra a torcida no ginásio Ivo da Silveira, o time paulista não se intimidou e garantiu, além da conquista, uma vaga para a Superliga B 2012/2013.

“Esse título é muito importante para o nosso projeto. Todo o nosso planejamento neste primeiro semestre foi voltado para a Liga Nacional e alcançamos o nosso objetivo que era o título da competição. O grupo está de parabéns. Enfrentamos um grande adversário na decisão e jogamos contra um ginásio lotado”, analisou o técnico Reinaldo Bacilieri, que viu sua equipe fazer 100 % de aproveitamento na fase final do torneio.

“É muito bom ser campeão e ganhar uma partida como essa com um ginásio lotado torcendo contra. O nosso grupo conseguiu suportar a pressão e está de parabéns. Quando o Reinaldo me chamou só queria ajudar o grupo da melhor forma possível e acho que hoje consegui”, afirmou o ponteiro Évinho, que começou no banco de reservas e foi uma das figuras fundamentais para a conquista.

Mesmo com a derrota, a Aprov/Chapecó mostrou que tem condições de fazer bonito no cenário nacional. Como a Confederação Brasileira de Vôlei ainda vai analisar a participação de alguns clubes na Superliga B, existe a possibilidade, apesar de remota, de o time catarinense ingressar na competição.

“São José dos Campos mereceu ser campeão. Nosso time sofreu com problemas de contusão (o central Esquiva se lesionou no último jogo da fase classificatória), mas tivemos uma boa campanha. Um dos objetivos desse projeto é trazer o voleibol de volta para Chapecó e hoje a nossa cidade provou que abraça o voleibol. Tenho que agradecer os torcedores pelo apoio”, disse o técnico Nilson Rex.

foto: Alexandre Arruda/CBV

Comentários