(Jogos Olímpicos) Brasil estreia com vitória tranquila sobre a Tunísia

Após as vitórias de Rússia e Estados Unidos de 3 sets a 0 sobre Alemanha e Sérvia, respectivamente, o Brasil entrou em quadra para fechar a rodada de estreia dos Jogos Olímpicos diante da Tunísia. Sem nunca se sentir ameaçado no placar, o time verde e amarelo venceu por 3 sets a 0, parciais de 25/17, 25/21 e 25/18. Na próxima terça-feira, às 18h (horário de Brasília) os comandados de Bernardinho encaram os russos pela segunda rodada do Grupo B.

A partida começou com o Brasil arrasador e aproveitando a falta de experiência do adversário chegou a primeira parada técnica com 8 a 1 no placar. Com Bruninho utilizando todos os jogadores no ataque, o time verde e amarelo foi abrindo vantagem, chegando a colocar 16 a 7 na segunda parada obrigatória. A facilidade do duelo fez com que os brasileiros acabassem perdendo um pouco a concentração, deixando a Tunísia marcar alguns pontos. Com as entradas de Wallace e Ricardinho, a Seleção Brasileira foi arriscando algumas jogadas e no final 25 a 17.

No segundo set, o confronto iniciou mais equilibrado com os africanos apostando no saque forte para tentar equilibrar o jogo. Na primeira parada técnica, 8 a 6 para o Brasil, que tinha em Murilo e em Lucão os principais destaques, enquanto o adversário contava com Kaabi como seu atacante de referência. Após um bloqueio de Bruninho, a Seleção Brasileira fez 14 a 11 e logo depois 16 a 12 na segunda parada obrigatória. Com tranquilidade, os jogadores iam soltando o braço no saque, com o objetivo de se acostumarem com o ginásio e, por muitas vezes erravam, proporcionando pontos ao adversário. No final, Giba entrou em quadra para ganhar ritmo e o Brasil fechou em 25 a 21.

Mesmo com as entradas de Rodrigão, Giba e Wallace, o Brasil não perdeu o ritmo no começo do terceiro set e já na primeira parada técnica, o placar marcava 8 a 5. A Tunísia não se intimidava e tentava através de jogadas rápidas pela ponta diminuir a diferença, sendo que no segundo tempo obrigatório, a Seleção Brasileira vencia por 16 a 12. No final, Bernardinho fez mais algumas mudanças, como as entradas de Ricardinho e Thiago Alves, que colaboraram para a vitória de 25 a 18.

Equipes:

Brasil: Bruninho, Leandro Vissotto, Murilo, Dante, Sidão, Lucão e Serginho (líbero)
Técnico: Bernardinho

Tunísia: Kadhi, Ben Slimane, Karamosly, Hfaiedh, Hassine e Kaabi e Taouerghi (líbero)
Técnico: Fethi Mkaouer

foto: FIVB/Divulgação

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Fabiano Magoo convoca jogadores para a Seleção Brasileira Sub-19

Apan/Blumenau contrata Thiago Alves e confirma sete renovações

CBV divulga tabela oficial da Superliga B com estreia no dia 24 de janeiro