(Liga Mundial) Final de semana para ‘secar’ a França no Grupo C

Mesmo sem jogar neste final de semana, a Seleção Brasileira fica atenta aos resultados da Liga Mundial 2012. Isso porque, a equipe de Bernardinho tem condições de ir para a fase final do torneio, que ocorre de 4 a 8 de julho, em Sofia, na Bulgária, caso a França tenha pelo menos um resultado negativo em uma das três partidas que disputa em Dallas pelo Grupo C.

Os franceses são vice-líderes da chave, com 17 pontos conquistados. A liderança é os Estados Unidos, que somam 20 pontos. A única combinação de resultados nos jogos, que impedirá a classificação brasileira inclui três vitórias dos franceses, todas por 3 a 0 ou 3 a 1, e dois triunfos dos norte-americanos, também por estes placares.

“Estar vivendo esse momento foi, de alguma maneira, por responsabilidade nossa, já que não conseguimos a classificação antes. Agora é esperar. Lógico que queremos classificar e estar na disputa de mais um título. Pretendemos, sim, estar na Bulgária, e faz parte do nosso planejamento jogar essa Fase Final (...) Temos que esperar pelos resultados, mas podemos secar um pouco os adversários também (...) Neste momento, a França é o nosso principal adversário na busca pela vaga de segundo melhor colocado e não custa secar um pouquinho os franceses. Depois, é esperar pelos resultados deste último final de semana”, afirmou o levantador Bruninho.

O elenco do Brasil, que treina diariamente no Aryzão, em Saquarema, que mesmo faltando menos de um mês para os Jogos Olímpicos de Londres, seria importante alcançar a fase final da Liga Mundial. Até o momento, a Bulgária (sede) e Polônia (campeã do Grupo A) estão garantidas, porém restam poucos pontos para Cuba, Alemanha e Estados Unidos assegurarem suas vagas.

“Acima de qualquer coisa, estou usando esse período para melhorar os meus fundamentos e, assim, poder ajudar a equipe cada vez mais. É óbvio que queremos classificar, ir para a Bulgária, jogar com tudo e tentar trazer o título. Seria muito bom estar nessa próxima fase para a equipe conquistar mais ritmo de jogo, que acho que ainda precisamos. Mas se isso não acontecer, vamos continuar trabalhando pesado para o principal objetivo do ano, que são os Jogos Olímpicos”, comentou o central Sidão.

“Queremos ir, claro, mas depender dos outros resultados é horrível. E é motivo para treinar ainda mais. A expectativa que estamos vivendo para entrar na Fase Final é boa e, na minha opinião, estar nessas finais é muito positivo. Lá estarão equipes que enfrentaremos nas Olimpíadas, seleções que vão chegar no pódio. Além disso, alguns atletas não jogaram tanto a Liga Mundial e teriam a chance de pegar mais ritmo de jogo”, destacou o ponteiro Murilo.

foto: Alexandre Arruda/CBV

Comentários